Debate

Termo usado no vídeo machista dos brasileiros vira gíria entre russos

por: Redação Hypeness

Os estragos causados pela manifestação machista de um grupo de torcedores brasileiros na Rússia só cresce. Surgiu agora a notícia de que a expressão de baixo nível dita pelos rapazes foi adotada por extremistas para diminuírem as mulheres russas.

O termo virou nome de páginas disseminadoras de ódio e está sendo utilizado com frequência na rede social VK – uma espécie de Facebook russo. Ao navegar é possível encontrar uma série de fóruns de discussão com homens russos criticando a postura das mulheres vítimas de assédio e colocando nelas a culpa de uma suposta ofensa a masculinidade dos patriotas.

Entre as perseguidas está justamente a mulher alvo dos brasileiros. É possível ver uma série de comentários chamando-a de ‘vergonha para o país’ e ‘Natashka’, expressão adotada por turcos para se referir a prostitutas de origem eslava. Tudo isso fez com que a vítima das ofensas deletasse seu perfil nas redes sociais.

A postura machista dos brasileiros abriu espaço para manifestações de extremismo

Com vestígios de machismo e também racismo contra os negros, a página pilotada por extremistas russos se refere aos brasileiros e latino-americanas como ‘macacos’ e ‘sujos’.

Diante deste cenário muitas mulheres russas estão manifestando solidariedade, caso da ativista Alena Popova, autora de uma petição exigindo punição aos brasileiros pelo vídeo constrangedor. Ela diz ter recolhido mais de 60 mil assinaturas.

Publicidade

Foto: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Estrela de comerciais por 14 anos, homem Marlboro morre sem nunca ter fumado