Ciência

Em Minas, deputados proíbem testes de cosméticos em animais

por: Redação Hypeness

O suposto dilema entre o desenvolvimento do setor de cosméticos e produtos de higiene pessoal e a necessidade da realização de experimentos com animais ganho novo – e positivo – capítulo em Minas Gerais. Por votação em plenário os deputados derrubaram um veto do governador Fernando Pimentel (PT) a justamente um projeto que impedia o uso de animais em tais testes cosméticos. Com a votação e a decisão de que o veto do governador não deveria ser aceito, a lei fica valendo, e o uso de animais segue proibido no estado.

O projeto número 2.884/15 em questão foi proposto pelos deputados Fred Costa (PEN) e Noraldino Júnior (PSC) coloca Minas junto com Rio de Janeiro, São Paulo e Mato Grosso do Sul como estados que proíbem tal prática. Segundo o governador, a justificativa para seu veto estava justamente na ideia de que proibir os testes de forma abrupta, sem a “definição de métodos alternativos”, pode significar um possível prejuízo para o setor.

Tal tese, amplamente divulgada pelos defensores como justificativa para o teste, não se sustenta, e não é por acaso que São Paulo proibiu tal prática em 2014, seguida do Mato Grosso do Sul no mesmo ano, e do Rio no ano passado. A ideia agora é que a lei se torne federal, e que o sofrimento desnecessário e cruel vivido pelos animais seja mais importante do que o lucro desenfreado de alguns empresários.

Campanha contra o uso de animais em testes cosméticos

Publicidade

© fotos: divulgação


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Jogar protege o cérebro durante envelhecimento, aponta estudo de 68 anos