Arte

Graças a Beyoncé, Vogue terá primeira capa clicada por fotógrafo negro da história

por: Redação Hypeness

Já dizia Nina Simone, “um artista deve refletir o seu tempo”. Talvez Beyoncé seja uma das principais estrelas mundiais a seguirem tal máxima. Ciente do alcance de sua música, a cantora e atriz faz uso da gigantesca exposição midiática para discutir temas fundamentais para o avanço da sociedade.

Racismo, feminismo aos olhos de uma mulher negra, tudo isso foi traduzido por meio de música, criação de plataformas e a revelação de pessoas fora do círculo tradicional de domínio social.

A norte-americana com mais de 15 milhões de álbuns vendidos na carreira fez história ao contratar o primeiro fotógrafo negro a produzir uma capa da revista Vogue.

A tradução da importância da representatividade

De acordo com o Huffington Post, Anna Wintour, editora-chefe da revista, deu controle total para Bey, que ficou responsável por todo os detalhes do ensaio da edição de setembro.

O escolhido foi Tyler Mitchell, jovem de 23 anos com participações em algumas campanhas publicitárias da Marc Jacobs e Givenchy. Segundo fontes, o profissional conseguiu a oportunidade de fazer história na Vogue graças a determinação de Beyoncé, já que Wintour costuma optar por fotógrafos mais experientes.

 

Publicidade

Foto: Reprodução/Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Encontraram 3 roteiros inéditos do mestre Stanley Kubrick