Debate

Iranianas estão sendo presas por postarem vídeos dançando no Instagram

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie


Apesar de ser um país conhecido por leis que cerceiam a liberdade das mulheres, o Irã vive um fenômeno com um surgimento de uma série de influenciadoras digitais do sexo feminino.

São jovens e adolescentes que escolhem principalmente o Instagram para se expressar, dançar e falar de coisas comuns para esta faixa etária. Porém que não está gostando nada deste movimento são as autoridade iranianas. Nas últimas semanas pelo menos quatro mulheres foram presas por postarem vídeos no aplicativo.

Entre as detidas está  Maedeh Hojabri, uma jovem ginasta de 17 anos e com mais de 600 mil seguidores interessados em suas postagens com cenas de dança e sobre ginástica artística. Na última sexta Hojabri foi exibida ao vivo pela TV estatal chorando, o que levou ativistas a questionarem ameaças para forçar uma suposta confissão.

Maedeh Hojabri é uma das iranianas mais populares nas redes

“Eu não estava querendo chamar a atenção”, ela diz. “Tinha alguns seguidores e estes vídeos eram pra eles. Eu não pretendia encorajar outras pessoas a fazerem o mesmo. Não estava associada ou treinada por ninguém”, encerrou.

A prisão causa estranheza, já que o Instagram é uma das únicas redes sociais não bloqueadas no Irã, que não permite o uso do Facebook ou Twitter. Entretanto mulheres são proibidas de dançar ou aparecer sem o hijab em público.

“Se você disser para qualquer pessoa que uma menina de 17 ou 18 anos foi presa por dançar e exalar beleza e felicidade, será um absurdo. Elas vão rir”, comentou o influente blogueiro Hossein Ronaghi.

برقصیم

A post shared by MahiMaedeh (@maedeh_hozhabri) on


Outros usuários das redes sociais também manifestaram indignação com a situação vivida pelas jovens iranianas. Inclusive a tag #dancing_isn’t_a_crime (‘dançar não é crime’) e alguns protestos foram chamados.

A situação vai na contramão de países como a Arábia Saudita, que acaba de permitir que mulheres dirijam seus próprios carros. Com a derrubada desta lei machista e autoritária a expectativa é que mais de 2 mil carteiras de motorista sejam emitidas nas próximas semanas.

Publicidade Anuncie

Foto: Reprodução/Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Ana Hickmann sofre nova ameaça: ‘O mesmo perfil do rapaz que quase tirou a minha vida’