Debate

Privacidade não é piada: Porque o nude vazado do Felipe Neto não tem graça

Redação Hypeness - 26/07/2018

Felipe Neto é um dos youtubers mais populares da atualidade. Com uma legião de milhões de seguidores, as opiniões manifestadas pelo jovem exercem grande influência. Imagine só quando se tratam de assuntos polêmicos?

Desde ontem o nome do rapaz está entre os temas mais comentados das redes sociais por causa de um motivo, digamos, não tão agradável assim. Logo pela manhã a estrela do YouTube se deparou com um vídeo íntimo seu circulando livremente pela rede.

“Eu acordei hoje e a primeira coisa que faço é ver como estão as notícias e conversar com as pessoas mais próximas a mim. E chegou uma mensagem do Bruno falando: ‘Felipe, vazou um vídeo seu se tocando’. Falei: ‘Tá, qual é a piada?’ Eu entrei no Twitter e vi que estava nos principais assuntos. E vi que tinha um nude meu vazado de 3 anos atrás. Eu demorei um pouco a acreditar no que estava acontecendo. No início eu fiquei confuso, meio pasmo e sem saber o que fazer. No início foi bastante tenso”, declarou.

Nudes só com autorização!

Felipe Neto disse ainda que vai sim tomar as devidas medidas judiciais. Aliás, ao contrário do que se pode pensar, a internet não é uma terra sem lei. Pelo contrário. Todos os usuários da rede têm o direito da privacidade reservado.

O Artigo 8 da Constituição Federal assegura “a garantia do direito à privacidade e à liberdade de expressão nas comunicações é condição para o pleno exercício do direito de acesso à internet”. Sendo assim, qualquer um que se sentir lesado deve procurar um advogado imediatamente.

“Convoquei minha equipe, tenho uma equipe maravilhosa da parte jurídica, assessoria de imprensa, para pensar o que fazer”, contou Felipe.

Públicas ou anônimas, a exposição de nudes  na internet sem autorização não tem nada de engraçado. Essa prática criminosa pode causar sérios danos. O Hypeness já tratou do tema ao alertar sobre o pornô de vingança. Mais um fruto dos tempos modernos, este é um método usado por homens para chantagear mulheres, o que em algumas ocasiões resulta em suicídio.

“Você não pode compartilhar um nude achando que não está cometendo um crime. Todas as pessoas que compartilharam, divulgaram o vídeo, serão processadas criminalmente. A equipe dos advogados já está trabalhando nisso”, assinalou Felipe Neto, que resolveu gravar um vídeo sobre a divulgação de vídeos íntimos sem autorização.

Publicidade

Foto: Reprodução/YouTube


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.