Debate

Esta fotógrafa documentou três casais fazendo sexo durante menstruação

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

A menstruação é um processo plenamente natural do corpo humano. Então, por que ela ainda é vista como tabu e um impeditivo para as relações sexuais?

Certamente o desconhecimento, impulsionado por uma visão machista e paternalista da sociedade contribuem para isso. O surgimento de expressões pejorativas e quem nem precisam ser citadas aqui, explicam perfeitamente esta teoria.

Com intuito de quebrar mais este tabu, a edição britânica da Vice preparou um documentário com três casais fazendo sexo durante o período menstrual. O ensaio foi feito pela fotógrafa norte-americana Nolwen Cifuentes e os resultados são totalmente fora dos padrões.

Deem adeus para ideias quadradas de que casais são formados apenas por homens e mulheres ou que o fato de uma vangina sangrar possa causar estranhamento. Em Period Piece (Período em Pedaços, em tradução livre para o português) as pessoas estão simplesmente desfrutando de momentos de prazer e afeto.

Muitas pessoas se sentiram contempladas com o ensaio

“A sociedade tem medo de falar sobre menstruação. Imagine só manter relações sexuais neste período? É outro nível de tabu. Quando era jovem, tinha tanta vergonha de alguém saber que estava menstruada. Na hora de comprar absorvente, tinha que fingir estar procurando outra coisa”, explica a fotógrafa.  

O ‘mito’ envolvendo a menstruação vai muito além das relações sexuais. Mesmo em seriados que, de certa forma, incentivam o protagonismo feminino, o período menstrual era deixado de lado. Você se lembra de ter ouvido as meninas de Sexy and the City falando sobre o tema?

O ciclo menstrual é um processo natural do corpo humano

Paira na cabeça de homens e algumas mulheres, um conceito de que a menstruação é ‘nojenta’ ou que imagens e vestígios de sangue possam ser inapropriados. Ora, mas isso não faz parte de uma característica do corpo humano?

Em texto publicado no Blogueiras Negras, a historiadora Mariana Ferraz Paulino analisa a contribuição negativa da publicidade para a construção da insegurança e de um mito em torno da menstruação.

“Luto genuinamente por um mundo onde os absorventes não sejam artigos ilícitos e por uma consciência coletiva de gênero que supere inteiramente as atrocidades publicadas nessas revistas tão hostis: porque ser mulher é uma experiência que vai muito além de tudo isso, e não é a mídia e nem são os pais, os patrões, os namorados e maridos, os orientadores de pesquisa ou o comercial machista de cerveja/detergente/absorvente que nos devem ditar o que fazer. Não mais. Nunca mais!”

Haters de lado, no fundo as pessoas estão ávidas por conhecimento. Sendo assim, trabalhos como o desta fotógrafa dos Estados Unidos exercem papel importante na correção de curso. Vamos?

 

Publicidade

Fotos: Nolwen Cifuentes


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Após reclamação de pai viralizar, Pampers instala 5 mil trocadores de fraldas em banheiros masculinos