Debate

RedeTV! faz história ao escalar primeira dupla negra à frente de telejornal

por: Redação Hypeness

Pela primeira vez na história um telejornal foi ancorado por uma dupla de apresentadores negros. A RedeTV! foi a responsável por unir na bancada os jornalistas Luciana Camargo e Rodrigo Cabral, que dividiram o comando do RedeTV News.  

A relevância do fato se dá, pois ao longo dos séculos a população negra, responsável por 54% do total de brasileiros, se acostumou a ser informada por apresentadores brancos. A conquista, que reforça a importância da representatividade, foi destacada por Luciana antes do encerramento do jornal.

“E a RedeTV! sai na frente. Pela primeira vez em nosso país uma emissora de TV dá oportunidade a dois jornalistas negros, né, Rô, de apresentar juntos o principal telejornal da casa. Nós agradecemos à diretoria da RedeTV! por essa oportunidade.

Uma luz negra está ganhando força no Brasil

Na emissora desde 2000, Rodrigo Cabral – um dos funcionários mais antigos da empresa de comunicação paulista, também celebrou. “Sem dúvidas. Agradecemos sim, Lu. Obrigado, RedeTV!, por nos permitir participar desse marco histórico. É uma grande honra e uma grande responsabilidade também”, finalizou.

A presença de dois profissionais negros à frente de jornalístico de uma das principais emissoras do país, vai de encontro com a pressão exercida por movimentos negros pela densidade maior de profissionais afrodescendentes nestes espaços.

Nos últimos tempos Maria Júlia Coutinho, responsável pela previsão do tempo no Jornal Nacional e integrante do revezamento de apresentadoras do Jornal Hoje; Flávia Oliveira, comentarista da Globo News e colunista do Jornal O Globo, Heraldo Pereira, também da Globo e Joyce Ribeiro – âncora do Jornal da Cultura, são alguns dos exemplos.

Contudo, a estrada é longa. De acordo com pesquisa realizada pela Vaidapé, apresentadores negros respondem apenas por 3,7% da programação televisiva brasileira. Foram checados 204 programas, de sete emissoras, entre o segundo semestre de 2016 e o primeiro de 2017. A RedeTV é a dona da maior presença negra, com 9% dos apresentadores. Já a Record TV e o STB não contam com nenhum profissional afro-brasileiro.

O Hypeness conversou sobre representatividade na mídia com a jornalista baiana Rita Batista e você pode conferir a matéria aqui.

Joyce Ribeiro é nova âncora do Jornal da Cultura. 

Flávia Oliveira se destaca pelos comentários na área de economia e ativismo  negro.

O jornalista Heraldo Pereira foi um dos primeiros negros na bancada do Jornal Nacional.

Maria Júlia Coutinho também está ganhando espaço nos telejornais da Globo.

Publicidade

Fotos: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
32 tartarugas marinhas são achadas mortas em praias de Pernambuco