Debate

Sonho ou realidade? Ator de ‘A Origem’ revela segredo incrível sobre o final ‘maluco’ do filme

por: Vitor Paiva

Intrigante, complexo e, no bom e no mal sentido, confuso, A Origem, de Christopher Nolan, é um desses filmes que franziu testas pelo mundo todo diante de seus loops, idas e vindas entre realidade e sonho – incluindo Michael Caine, ator do filme, que ao receber o roteiro, comentou com Nolan que não tinha entendido o final. No filme, estrelado por Leonardo DiCaprio em 2010, Caine faz o professor Stephen Miles, mentor e sogro de Dom Cobb, personagem de DiCaprio.

Caine e DiCaprio em cena do filme

A trama do filme se desenvolve ao redor do personagem Dom Cobb, um ladrão profissional especialista em roubar segredos infiltrando-se nos sonhos de suas vítimas. Sempre viajando entre sonho e realidade, Cobb utiliza uma espécie de pião para não se perder durante suas jornadas – dependendo do comportamento do pião quando rodado, ele sabe se está na vida real ou em um sonho – se o pião para ou não de girar.

Todo o filme, portanto, confunde o espectador sobre em que dimensão determinada parte está – inclusive, pelo visto, os próprios atores.

Ellen Page e DiCaprio

Ao comentar, durante sua aparição no festival Film4 Summer Screen, sobre suas primeiras impressões do roteito de A Origem, Caine acabou por revelar um segredo que pode servir como uma infalível bússola para melhor compreender a trama – e que pode servir como um belo convite para rever o filme.

“Quando recebi o roteiro de A Origem, fiquei um pouco intrigado e disse a ele [Nolan]: ‘Eu não entendo quando é sonho’. Eu disse ‘Quando é sonho e quando é realidade?’. Ele [Nolan] disse: ‘Bem, quando você está na cena é realidade’. Então, segura essa: Se eu estou na cena, é realidade. Se eu não estou, é sonho”, contou Caine.

O segredo revelado pelo ator pode mudar a impressão de muita gente sobre o filme – inclusive sobre o final. Apertem o play e apertem os cintos, para descobrir onde de fato está o início, o meio e o fim de A Origem.

Publicidade

© fotos: Divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Entregador da Rappi que morreu após AVC trabalhava 12 horas por dia