Debate

Ainda há esperanças que crânio de Luzia seja encontrado, diz vice do Museu Nacional

por: Redação Hypeness

A vice-diretora do Museu Nacional, Cristiana Serejo, acaba de dar esperanças acerca da possibilidade de sobrevivência do crânio de Luzia e do dinossauro brasileiro com mais de 13 metros de altura.

Por hora o crânio de Luzia – fóssil humano mais antigo encontrado no Brasil, com mais de 12 mil anos, ainda não foi encontrado. Há ainda a expectativa que o material esteja guardado em um cofre junto com partes do esqueleto do dinossauro.

“As pessoas foram de manhã tentar achar a Luzia, mas parece que ela estava em uma caixa e tem muito escombro. A gente não sabe se dentro dessa caixa ela possa ter resistido. Tem que haver a perícia, para liberar o prédio e os pesquisadores entrarem de fato e retirarem os escombros. A parte lá de trás, do departamento de geologia e paleontologia, parece que sobrou alguma coisa”, disse aos repórteres.

O crânio de Luzia pode estar guardada em um cofre resistente ao calor

Apesar das possíveis boas notícias, Cristiana prefere não alimentar esperanças. A vice-diretora do Museu Nacional confirmou ainda a perda da coleção de entomologia, de insetos, que estava acomodada no terceiro andar. “É uma perda gigantesca”, lamentou.

Helder Paula Silva, responsável pela coleção de paleontologia, diz que os esqueletos de dinossauros podem ter escapado por estarem depositados em um armário de aço compactador resistente aos impactos e altas temperaturas. Os expostos eram réplicas.

Todavia, pesquisadores e funcionários do Museu Nacional vão ter bastante trabalho pela frente e estimam a necessidade de ao menos R$ 15 milhões para os trabalhos iniciais. Lembrando que o governo federal garantiu R$ 25 milhões para obras de museus.

Os esqueletos datam de mais de 80 milhões de anos

Publicidade

Fotos: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Débora Nascimento fala sobre namorado e fase pós-José Loreto