Roteiro Hypeness

Hidden é um projeto escondido no coração de Brasilia

por: Livia Jacome

Quem passa pelo Parque da Cidade, próximo ao estacionamento 8, nem imagina que uma construção abandonada há 15 anos abriga um local badalado da cena de Brasília. Com a proposta de ocupar lugares urbanos esquecidos, o projeto Hidden está em sua 2ª edição trazendo aos brasilienses boa música, arte, gastronomia e muito vinho. Mais do que um bar, o local está ancorado em um antigo bicicletário e toda decoração foi cuidadosamente planejada por Mariana Braga, também idealizadora do projeto.

Como o objetivo do Hidden é a ocupação urbana, a casa funciona de maneira temporária, com data de encerramento agendada para 29 de setembro. Para o evento final, Mariana afirma que haverá uma atração surpresa para despedida, em grande estilo, da edição 2018. O projeto funciona de quinta a domingo, a partir das 18h, e possui loja e adega em que os visitantes podem comprar os produtos (entre queijos e vinhos), pagar no caixa e escolher um lugar para sentar com os amigos.

É incrível, a primeira sensação delas é o susto. Do tipo ‘eu passo aqui todos os dias e me acostumei com a feiura, com esse local desativado que já nem me causa estranhamento mais’. Então a gente, quando constrói o projeto, quando a gente ocupa esses lugares, a primeira coisa é ‘olha eu passo aqui todos os dias e que coisa linda se transformou esse bicicletário desativo’, ou no ano passado que era a passagem subterrânea desativada.

A proprietária conta que tudo no local foi pensado por ela e, inclusive, alguns móveis vieram da sua casa (como um sofá, uma mesa e algumas cadeiras). Após o fim dessa edição, todo equipamento e decoração serão higienizados e guardados para esperar 2019. Segundo Mariana, o negócio tem dado tão certo que a ela já criou projeto para até 2023.

Além do ambiente divido em lounges aconchegantes, o local conta com um palco por onde passam artistas conceituados da cidade. Um dos nomes é Pablo Fagundes, renomado gaitista brasiliense, que fez show para o seleto público da casa – o espaço recebe até 300 pessoas por vez. Após a lotação máxima, ninguém mais entra por motivo de segurança e conforto dos frequentadores.

A ideia para o empreendimento veio de visitas que Mariana e o marido, Daniel Braga, fizeram pelos Estados Unidos. A empresária esteve em Nova York e Nova Orleans onde se deparou com propostas de ocupações de antigos casarões, fábricas abandonadas e espaços urbanos esquecidos. A ideia dos projetos lá fora é usar ambientes que estão sem uso.

Primeiro fomos a New Orleans, um lugar fora do circuito turístico. Um casal de amigos levou a gente num bairro residencial. Era uma casa que estava destruída pelo [furacão] Katrina e que eles ocuparam com uma loja de vinhos. Assim você entrava nessa casa abandonada, comprava seus vinhos e tinha um jardim lindo para você escutar um jazz e curtir.

Com intuito de trazer lugares ignorados de volta à vida, Mariana se orgulha do sucesso do Hidden. A ideia é que a cada ano o projeto ocupe um novo local em Brasília.

“Hidden Brasília”
Até dia 29 de setembro
De quinta a domingo, das 18h à 1h
Bicicletário Desativado no Estacionamento 8 – Parque da Cidade, Brasília

Publicidade


Livia Jacome
Blogueira raiz desde 2007 quando criou seu primeiro blog. Ama Madonna, sorvete, cultura pop e seriados, muitas décadas antes de existir Netflix. Hoje divide o tempo entre fazer gestão de produto no Hypeness e seus blogs próprios.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
‘Matrix 4’ é confirmado com elenco original; Morpheus é dúvida