Debate

Microsoft só irá trabalhar com empresas que ofereçam licença parental remunerada

por: Redação Hypeness

Uma das empresas mais poderosas do mundo – Microsoft, afirmou que de agora em diante só irá trabalhar com prestadores de serviços e fornecedores que ofereçam, no mínimo 12 semanas de licença familiar remunerada.

Em nota ao jornal The Washington Post, o vice presidente da empresa – Dev Stahlkopf, lembrou da importância dessa decisão, que vai de encontro com uma sociedade que continua na busca de igualdade: Queremos concentrar nossos recursos em fazer negócios com empresas que compartilham nossos valores”.

De acordo com a nova regra, as empresas deverão oferecer às mães e pais 12 semanas de licença por dois terços de seu salário ou até U$ 1.000 por semana. A transnacional decidiu implantar esta nova regra inspirada em uma nova lei  no estado de Washington, que entrará em vigor somente em 2020, tornando o estado o quinto a exigir licença familiar remunerada.

Comparadas com o Brasil, as leis trabalhistas norte americanas não são nada amigáveis, mas esta não é a primeira vez que a gigante da computação se posiciona a favor de seus funcionários, já que há 3 anos disse que só trabalharia com empresas que oferecem no mínimo 15 dias de férias ao seus empregados.

Publicidade

Fotos: Unsplash


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Rita Lobo rebate comentários machistas: ‘Não casaria com homem que não sabe cozinhar’