Debate

SPTrans cria adesivo para cumprimento de lei que permite mulheres descerem fora do ponto

por: Redação Hypeness

Desde 2016, mulheres têm o direito de desembarcarem fora do ponto de ônibus em São Paulo. A medida foi aprovada ainda na gestão de Fernando Haddad (PT) contra o aumento de casos de abuso sexual.

Dois anos depois, muitas mulheres desconhecem ou não têm o direito atendido pelos motoristas de transporte coletivo da capital paulista. Para intensificar o cumprimento da medida, a SPTrans determinou que as empresas colem adesivos nos veículos com as orientações necessárias.

O órgão responsável pelo transporte coletivo da capital paulista estabeleceu 30 de setembro como prazo máximo para a adequação da frota. Os adesivos devem ser aplicados na parte superior das portas de embarque e desembarque.

Os motoristas precisam cumprir a lei

A medida segue a Lei 16.490, assegurando às mulheres a escolha do local mais seguro para o desembarque entre 22h e 5h. Travestis, transexuais e idosos também estão contemplados pela lei.

Para Juliana de Faria – diretora executiva da ONG Think Olga, as mulheres ainda sentem receio de pedir para descer fora do ponto de parada obrigatória.

“A mulher pode se sentir culpabilizada, pensar que podem negar, tirar sarro. No momento em que há uma campanha, ela se sente mais empoderada”, afirma ao R7.

Muitas passageiras relatam resistência dos condutores em aplicar a medida

O site Nós, mulheres da periferia, publicou uma reportagem recente ilustrando a resistência dos condutores de cumprirem a medida. A reportagem contou a história de Amanda Vitorino, de 26 anos. Moradora de Guianases, extremo leste da São Paulo, ela não teve o pedido de descer fora do ponto atendido pelo motorista e acabou assaltada minutos depois.  

Cansada de não ser ouvida, ela e outras mulheres se anteciparam ao adesivo oficial da SPTrans e criaram o  dentro do #SPParaMulheres, o movimento Placa no  Busão, com objetivo de fazer a lei ser cumprida.

“A lei prevê uma multa de R$ 360,00 para o condutor que desobedecê-la. Não é favor, é direito”.

Publicidade

Fotos: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Grécia: maior campo de refugiados da Europa pega fogo e passa por crise humanitária grave