Ciência

Amuleto Viking que retrata martelo de Thor é achado na Islândia

por: Vitor Paiva

Um pequeno amuleto de madeira, encontrado em uma antiga fazenda da Islândia por pesquisadores do Instituto Ártico foi estimado em 900 anos de idade, e representa não só o martelo do deus Thor, como um símbolo da presença escandinava na ilha europeia. A Islândia foi conquistada por guerreiros vikings oriundos da região que hoje compreende a Suécia, a Noruega e a Dinamarca e, durante o período do século IX ao século XII, a religião politeísta viking foi cultuada no país.

Segundo os arqueólogos, o amuleto era utilizado como um pingente ao redor do pescoço e era visto como um símbolo de proteção. Filho de Odin, o principal deus nórdico, Thor era visto como o deus da força e dos trovões, e sua arma e símbolo era o martelo, conhecido originalmente como Mjöllnir. Junto com o amuleto os pesquisadores encontraram uma pedra de amolar, uma picareta de ferro e uma fivela, como indícios de que ferreiros trabalhavam no local, além de ossos queimados.

Acima, a pedra de amolar encontrada, e abaixo, a fivela

A partir do século XII, com a chegada do cristianismo na Islândia, as religões nórdicas e politeístas passaram a ser consideradas pagãs, e foram perseguidas. Recentemente, porém, tais crenças voltaram a se popularizar na região, e hoje estima-se que cerca de 3,9 mil pessoas seguem a tradição nórdica na ilha – o que, pela Islândia possuir uma população de apenas 350 mil pessoas, significa a segunda religião mais popular do país.

Representação de Thor e seu martelo

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Ilustrações da Grande Barreira de Corais na primeira enciclopédia do mundo