Debate

Apple e Samsung são multadas por programar a ‘morte’ de seu smartphone; entenda

por: Redação Hypeness

Os smartphones transformaram as relações humanas. Apesar dos avanços, celulares inteligentes geram uma preocupação constante entre os usuários. A durabilidade.

A chamada obsolescência foi alvo de um processo conduzido pela agência responsável por regulamentar a concorrência na Itália. De acordo com o órgão, que anunciou  multa de 10 e 5 milhões de euros, respectivamente, para a Apple e a Samsung, ambas as empresas limitaram deliberadamente a vida útil dos produtos.

Segundo o jornal italiano La Reppublica, a dupla recorreu o método para forçar os clientes a comprarem novos aparelhos celulares em um espaço de tempo menor.

Samsung e a Apple foram multadas por reduzirem a vida dos celulares

Apple e Samsung usavam a atualização dos sistemas operacionais, “provocando graves disfunções e reduzindo de maneira significativa o desempenho, acelerando assim sua substituição”, explicou o órgão.

Com a instalação de novos sistemas, os smartphones enfrentam dificuldades nos processos de download e atualização de aplicativos e durabilidade da bateria, por exemplo. Isso ocorreu, sobretudo, com proprietários do modelo Note 4, da Samsung e do Iphone 6, da Apple.

Em ambos os casos, a instalação de uma nova versão do Android (sistema operacional do Google) e do IOS, foram concebidas para modelos mais recentes, o Note 7 e o Iphone 7.

“As empresas do grupo Apple e do grupo Samsung aplicaram práticas comerciais desonestas”, explica a agência italiana em comunicado.

Publicidade

Foto: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Diretores pedem vistas e votação de propostas sobre cannabis é adiada na Anvisa | coluna: Viviane Sedola #2