Ciência

Bombas da Segunda Guerra enfraquecem a atmosfera, aponta estudo

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

Os estragos ocasionados pelas bombas lançadas durante a Segunda Guerra eram visíveis: cidades inteiras ficaram destruídas, muitas vidas foram perdidas e o solo destes locais foi profundamente afetado. O que não se sabia ainda é que essas bombas tiveram efeito até mesmo na atmosfera.

A descoberta é fruto de uma pesquisa recente publicada na Annales Geophysicae, revista acadêmica de geociências da União Europeia. Para chegar a essa conclusão, os cientistas analisaram registros diários de ondas de rádio na cidade de Slough, na Inglaterra, entre os anos 1943 e 1945.

Publicidade

Foto via

Segundo os pesquisadores, cada ataque de bomba liberou energia equivalente à de 300 raios. Sempre que um novo ataque aéreo ocorria, era registrada uma alteração na concentração de elétrons na parte superior da atmosfera, resultando no seu aquecimento. Como resultado, houve uma redução da ionosfera sobre a cidade de Slough, quilômetros distante de onde as bombas foram detonadas.

A ionosfera é uma camada da atmosfera localizada entre 60 e 1.000 km de altura. Ela contém parte da radiação solar que chega ao nosso planeta. Apesar disso, ainda que as mudanças registradas tenham sido significativas, os cientistas afirmam que os efeitos foram temporários.

Publicidade Anuncie

Foto em destaque via


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


X
Próxima notícia Hypeness:
Brasileiro de 9 anos cria coletor de lixo espacial e é premiado na Europa