Arte

Queremos no Brasil: Decoração de Natal de biblioteca na Coreia do Sul é feita com livros

por: Gabriela Glette

Inaugurada em 2017, a biblioteca Starfield, localizada em um shopping na cidade de Seul, já é surpreendente por si só, com sua imensa coleção de mais de 50 mil livros, espalhados em prateleiras de 12 metros de altura. Porém, as instalações de natal recém inauguradas, feitas pelo artista norte americano Mike Stillkey, são de deixar qualquer um de queixo caído, já que parecem ter saído diretamente de um conto de fadas.

livraria coreia natal 1

O artista já fez suas esculturas em eventos importantes como o Fórum Econômico Mundial

Michael James Stilkey é famoso por suas esculturas e pinturas em livros, suas obras já estiveram espalhadas em vários lugares do mundo. Apaixonado por livros, esta foi a maneira que ele encontrou de homenageá-los e oferecer uma segunda chance para este objeto tão importante na história da humanidade.

livraria coreia natal 2

Sediado na Califórnia, se depender dele, o livro nunca irá morrer

Sua instalação na biblioteca de Seul ocupa três paredes, que exibem um coelhinho e uma rena andando de trenó por picos nevados com pinheiros acesos à distância, dois gatos dançando em cima de um urso de pelo azul e animais de bicicleta. É tudo tão encantador, que é difícil de descrever. Sorte de quem poderá ver isso de perto.

livraria coreia natal 3

livraria coreia natal 5

livraria coreia natal 6

livraria coreia natal 8

Publicidade

Fotos: Biblioteca Starfield


 


Gabriela Glette
Uma jornalista e produtora de conteúdo que mora na França. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias. Gabriela também é fundadora do site Quokka Mag, onde fala apenas sobre coisas boas!

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
MC Carol brilha na capa da Elle e diz que ‘funk salvou minha vida’