Debate

Com a perna quebrada, japonesa termina prova de joelhos; organização é criticada

por: Redação Hypeness

O nome de Rei Lida rodou os quatro cantos do mundo. A determinação e superação da corredora causou espanto. A jovem universitária quebrou a perna direita depois de tropeçar faltando 3,6 quilômetros para completar o trajeto.

Rei, que estava na terceira posição quando caiu, não encontrou outra forma de superar as barreiras do corpo e decidiu terminar a prova de revezamento de joelhos. Tudo para não prejudicar a equipe.

A expressão facial e os joelhos feridos emocionaram. A plateia foi ao delírio e não conteve a emoção. A atleta possui 19 anos e estava correndo na Princess Ekiden, em Nagoya, no Japão.

A história gerou críticas de algumas pessoas

Embora tenha decidido terminar a prova de joelhos, Rei Lida viu seu nome no centro de uma discussão sobre o excesso de rigidez da maratona. 

O técnico de Rei disse que tentou encerrar a participação da equipe assim que soube do acidente, mas não conseguiu entrar em contato com os diretores do evento. A jovem de 19 anos foi encaminhada ao hospital e vai precisar de quatro meses para se recuperar dos ferimentos.

Publicidade

Foto: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Brasileira ‘presa’ em Portugal por quarentena: ‘Tenho descoberto que é importante ter rotina’