Criatividade

E se os seus aplicativos favoritos fossem gadgets dos anos 1980?

por: Gabriela Glette

Patrocinado por:

Publicidade Anuncie

Se hoje a maioria dos gadgets que usamos, concentram-se em um mesmo lugar: nosso smartphone, nas décadas de 1980 e 1990, era preciso um objeto para cada função. Foi pensando em clássicos como Gameboy e Walkman, que o artista Thomas Olliver, baseado em Londres, fez esta releitura maravilhosa, como se os aplicativos que usamos diariamente fossem na verdade, gadgets dos anos 1980.

aplicativos gadgets 1

Se você nasceu antes da Internet, certamente ficará nostálgico com a série Re-Birth, que resgata clássicos que fizeram parte de nossa infância, porém foram engolidos pela tecnologia. Comecei a projetar esses dispositivos ‘não conectados’ para materializar a natureza intangível de todas os aplicativos que invadiram nossas vidas”, disse o artista ao site My Modern Met.

aplicativos gadgets 2

Ao transformar o Facebook em um pager e o Instagram em uma câmera descartável, Thomas abre um questionamento importante: as coisas evoluíram muito rapidamente e, em um curtíssimo espaço de tempo. Será que estamos realmente conseguindo acompanhar tamanha evolução?

aplicativos gadgets 3

aplicativos gadgets 4

aplicativos gadgets 5

aplicativos gadgets 6

aplicativos gadgets 7

aplicativos gadgets 8

Publicidade Anuncie

Fotos: Thomas Olliver


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.


X
Próxima notícia Hypeness:
Após ‘Jenifer’, Gabriel Diniz aposta em nova musa inspirada em mulher de 82 anos