Inspiração

O que esperar da 14ª edição do Pixel Show, o maior festival de criatividade da América Latina

por: Vitor Paiva

No Pixel Show, inspiração, inovação, networking e negócios criativos são as palavras de ordem. Organizado pela Zupi, o maior festival de criatividade da América Latina chega, em 2018, ao seu 14º ano, com participação confirmada de grandes nomes nas áreas mais diversas em que a criação e a imaginação humana se transformam em realidade, como a ilustração, motion graphics, design gráfico, quadrinhos, 3D, artes visuais, grafitti, moda, arquitetura, design de produto, FX, maquiagem, cinema, games e tanto mais.

O tema desta edição é “Tendências, inspirações, Economia Criativa e a construção de nosso legado”. A ideia é que o tema que se espalhe pelas diversas atrações que formam o Pixel Show este ano, que acontece no Pro Magno, em São Paulo.

Dentre workshops, palestras, exposições, live paintings, bandas, apresentações, simuladores, feiras e mais, participantes de diversos lugares do mundo, como Uruguai, Chile, EUA, França, Argentina, Portugal, Holanda e muito mais compõem a programação do Pixel Show 2018.

Serão mais de 250 palestras, com nomes como Wendel Bezerra, dublador por trás da voz dos personagens Bob Esponja e Goku, o americano Larry Katz, diretor assistente de filmes como Capitão América: O Primeiro Vingador e X-Men: Primeira Classe, Terrence Masson, membro da equipe de efeitos especiais de Star Wars, a cantora Mariana Aydar, o artista plástico Guto Lacaz, a apresentadora Raiza Costa.

E muito – muito! – mais.

O Pixel Show deste ano vai discutir a atualidade em universos como o da arte contemporânea e o mercado de trabalho para inspirar jovens criativos e profissionais experientes – e inventar o futuro tendo a criatividade como norte.

É exatamente isso que vai acontecer nos inúmeros workshops. Este ano, aliás, a diversidade nos workshops está especial, indo de lambe-lambe a design thinking, de caligrafia urbana à maquiagem, passando por workshops de origami, criação de jogos de mesa, estampas, stop motion, sustentabilidade e design, maquiagem, escultura, modelagem e papel artesanal.

O caminho foi longo para o Pixel Show se tornar o maior festival de criatividade da América latina.

Em seus 14 anos de vida, o Pixel Show contou com mais 200 palestrantes, 78 live paintings, 165 workshops, 215 sharptalks, 63 revistas Zupi, 168,4 mil participantes e, segundo o site oficial do festival, 763.125 xícaras de café ajudaram a criar e contar essa história.

Para 2018, é estimada a visita de 45 mil pessoas de todas as regiões do Brasil ao evento.

Um dos aspectos mais legais do Pixel Show 2018 é o fato de que 80% das atrações serão gratuitas – como a Feira de criatividade, os SharpTalks e os shows de música. E, por se tratar da maior feira do tipo em toda América Latina, a programação realmente parece infinita: haverá também um grande espaço de tatuagens, um festival gastronômico, exposições (com destaque uma grande exposição de Lego com 500 metros quadrados) e ainda uma parte toda dedicada aos simuladores e à realidade virtual – também com entrada gratuita.

Se sua criatividade se mistura à sua paixão por tecnologia e inovação, o Pixel Show definitivamente também é seu lugar.

Pixel Show

Quando: Dias 10 e 11 de novembro, entre 8h e 21h.
Endereço: Pro Magno (Avenida Professora Ida Kolb, 513 – Jardim das Laranjeiras, São Paulo – SP)
Garanta seu ingresso aqui

 

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Vovó estilosa combina lookinhos com flores do jardim e viraliza