Debate

Sodoma e Gomorra podem ter sido destruídas por meteoro, aponta estudo

por: Vitor Paiva

Profundas escavações ao longo de uma década desencavaram na região de Israel sítio arqueológico que seria de uma antiga civilização que teria sido totalmente destruída por um meteoro – e que poderia ser objetivamente as cidades bíblicas de Sodoma e Gomorra. Trata-se de um sítio da Era do Bronze, destruído a cerca de 3,7 mil anos, localizado ao nordeste do Mar Morto.

As escavações na região

As informações recolhidas revelam elementos químicos nos revestimentos das ruínas que sugerem altíssimas temperaturas em pouco tempo – que reforçaria a teoria do meteoro, assim como resquícios sobre cerâmicas encontradas, que sugerem a ideia de uma chuva de grãos minerais. 100 assentamentos teriam sido destruídos, matando entre 40 e 65 mil pessoas na região.

Representação artística da destruição de Sodoma e Gomorra

Segundo a bíblia, Sodoma e Gomorra teriam sido destruídas por “enxofre e fogo” por Deus por conta dos pecados cometidos na cidade – que seria localizada na região onde o sítio foi encontrado. Naturalmente que a confirmação de que uma civilização foi destruída no local não confirma a mitologia bíblica nem a literatura construída a partir de tal fato, mas traz novas luzes e possibilidades para o estudo de nossa ancestralidade – e de nossa história.

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Professor é esfaqueado por aluno em SP. Debater saúde mental nas escolas é urgente