Debate

Antes tarde do que nunca: Carrefour se pronuncia sobre morte de cachorro em SP

por: Redação Hypeness


A pressão exercida nas redes sociais e pelos veículos de comunicação foi grande e o Carrefour enfim se posicionou com clareza. A empresa publicou nota sobre o caso da morte de um cachorro no estacionamento da unidade de Osasco, na Grande São Paulo.

O Carrefour reconhece a existência de um problema, no entanto prefere responsabilizar a empresa terceirizada pelo ocorrido.

“A empresa não vai se eximir de sua responsabilidade. Estamos tristes com a morte desse animal. Somos os maiores interessados para que todos os fatos sejam esclarecidos”, diz o texto distribuído para a imprensa.

Para muitas pessoas, o Carrefour demorou para se posicionar

O caso aconteceu no último dia 28 e rapidamente comoveu não só ativistas, mas pessoas com o mínimo de empatia. Imagens das câmeras de segurança instaladas na entrada da loja na Avenida dos Autonomistas mostram um segurança de terno preto tentando tirar o cachorro dali.

Em seguida, a mesma pessoa é vista com uma barra de ferro nas mãos. Na sequência, o cachorro passa, já sangrando, para a parte de dentro do supermercado. O Centro de Controle de Zoonoses chegou a ser chamado, mas o cãozinho não resistiu e morreu em decorrência de uma hemorragia. Testemunhas dizem que depois das pauladas, o cachorro foi envenenado. A polícia segue investigando o caso.

Os vídeos foram divulgados no Instagram de Luisa Mell

Baseado nas imagens, o Carrefour responsabiliza a prestadora de serviços pelo ocorrido. “Desde o início da apuração, o funcionário da empresa terceirizada foi afastado”, diz a companhia.

Os registros das câmeras de segurança foram divulgados pela ativista Luisa Mell, que esteve na delegacia responsável pela condução das investigações. “Estou passando mal com as imagens”, disse.

Além de agredido, o cachorro teria sido envenenado

Ativistas e defensores dos direitos dos animais estão convocando para o próximo sábado (8) um protesto em frente à unidade do Carrefour em Osasco. A expectativa é que mais de mil pessoas compareçam.

Personalidades como o apresentador Luciano Huck se manifestaram nas redes sociais sobre o assassinato brutal do cão. “Chocado. É muita crueldade”.

View this post on Instagram

Chocado. É muita crueldade. 😢

A post shared by Luciano Huck (@lucianohuck) on


View this post on Instagram

Como vcs devem estar acompanhando pelas notícias, um cachorro foi espancado e morto por um funcionário dentro do @carrefourbrasil. Quando vamos entrar na página e reclamar, eles enviam respostas prontas, copiadas e coladas , dizendo que repudiam esse ato. SE REPUDIAM mesmo, sugiro que agora aproveitem essa “chance” (não sei que palavra usar aqui) para assumirem uma responsabilidade pelo ato dentro de suas empresas. Se estão tão chocados quando nos, aproveitem essa crueldade para fazerem a diferença. Comecem a ajudar ONGs que cuidam de animais abandonados. Comecem a doar alimentos para cuidar desses bichos. Parem de dar respostas prontas e sejam “humanos” pelo menos agora. Eu fico imaginando que esse cachorro poderia estar na minha casa cuidado com Todo amor , como o Nino (que teve a perna arrancada) ou a Penélope (que cegaram) ou como meus 13 gatos de rua. Existem MUITAS pessoas cuidando de animais abandonados. Mas ainda sim são muitos que precisam. E aí @carrefourbrasil ? O que vão fazer? E nós? Vamos fazer algo juntos?

A post shared by Tata Werneck (@tatawerneck) on



Publicidade

Fotos: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Mulher tenta retirar prêmio da Mega-Sena com falsificação bizarra e viraliza