Inspiração

Bárbara Borges desabafa sobre alcoolismo e diz estar há 4 meses sem beber

por: Kauê Vieira

Publicidade Anuncie


Bárbara Borges recorreu ao Instagram para desabafar sobre um problema sério. A atriz contou aos seguidores detalhes sobre dificuldades com álcool que teve no passado.

A ex-global explicou que a relação começou a passar dos limites e ela, aos poucos, foi perdendo o controle da situação.

“A relação que tinha com o álcool, que foi evoluindo para exageros, não ‘dá mais match’, não é mais compatível com a Bárbara de agora. Foi difícil enxergar isso? Fooooooi! Uma luta! Uma luta real, comigo mesma!”

A atriz procurou alertar seus seguidores

Aos 39 anos, a estrela de novelas como Porto dos Milagres, alertou para o momento quando o hábito de ingerir bebidas alcoólicas ultrapassa os limites do happy hour.

“Porque essa relação foi desenvolvida muito além do hábito social de ‘tomar uma cervejinha’, ‘beber um vinhozinho’ pra enturmar e sim pra tentar preencher vazio, pra esquecer dores do coração, pra anestesiar, pra não sentir. E quanto mais avanço no meu estudo de autoconhecimento, mais me conecto com o Divino, mais entendo que a vida é sobre amar e sentir e sigo firme adiante”, encerrou.

Em outro ponto da longa postagem, Bárbara Borges, atualmente no ar na novela Jesus, revela estar há cerca de quatro meses sóbria. Ela ainda salientou que sua história pode servir de exemplo para pessoas atravessando o mesmo problema.

“Estou em paz e por isso não tenho receio de compartilhar isso, pelo contrário, me sinto encorajada a falar sobre esse assunto porque me faz bem pensar que pode ser útil para alguém. 4 meses sem álcool. Amar e sentir sem amortecedores, sem a sensação de entorpecimento fazem parte dessa nova jornada.  Me faz bem”.

View this post on Instagram

Cada vez mais me sinto alinhada ao meu propósito e seguindo o caminho do meu coração. Vivo em um exercício constante de foco e firmeza porém com gentileza, sem ser dura comigo, pra atravessar os desertos do jogo da vida e abandonar velhos hábitos que já não são mais compatíveis à minha nova jornada. O entendimento real disso foi o primeiro grande passo que dei no meu amadurecimento emocional e espiritual. A relação que tinha com o álcool, que foi evoluindo para exageros, não “dá mais match”, não é mais compatível com a Bárbara de agora. Foi difícil enxergar isso? Fooooooi! Uma luta! Uma luta real, comigo mesma! Porque essa relação foi desenvolvida muito além do hábito social de “tomar uma cervejinha”, “beber um vinhozinho” pra enturmar e sim pra tentar preencher vazio, pra esquecer dores do coração, pra anestesiar, pra não sentir…e quanto mais avanço no meu estudo de autoconhecimento, mais me conecto com o Divino, mais entendo que a vida é sobre amar e sentir e sigo firme adiante💛 Estou em paz e por isso não tenho receio de compartilhar isso, pelo contrário, me sinto encorajada a falar sobre esse assunto porque me faz bem pensar que pode ser útil para alguém. 4 meses sem álcool. Amar e sentir sem amortecedores, sem a sensação de entorpecimento fazem parte dessa nova jornada. Me faz bem🌻 #mefazbem #proposito #foco #firmeza #semalcool #amar #sentir #autoconhecimento #evolucao

A post shared by Bárbara Borges🌻 (@barbaraborgesoficial) on


Publicidade

Foto: Reprodução/Intagram


Kauê Vieira
Nascido na periferia da zona sul de São Paulo, Kauê Vieira é jornalista desde que se conhece por gente. Apaixonado pela profissão, acumula 10 anos de carreira, com destaque para passagens pela área de cultura. Foi coordenador de comunicação do Projeto Afreaka, idealizou duas edições de um festival promovendo encontros entre Brasil e África contemporânea, além de ter participado da produção de um livro paradidático sobre o ensino de África nas Escolas. Acumula ainda duas passagens pelo Portal Terra. Por fim, ao lado de suas funções no Hypeness, ministra um curso sobre mídia e representatividade e outras coisinhas mais.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Filhote de raposa prende a cabeça em pote de maionese, mas é resgatado