Sessão Hype

De cinema: estes pais são capazes de tudo para proteger seus filhos

por: Redação Hypeness

Dizer que mães ou pais são todos iguais é uma loucura, mas é inegável que a grande maioria deles está disposta a tudo para ver seus filhos bem.

O tema é assunto recorrente em rodas de conversa e também ganha destaque especial no cinema, aparecendo em produções que vão da comédia ao drama. Se na telona as situações apresentadas costumam ser drásticas, na vida real a gente percebe como cada gesto poderia muito bem se repetir em nossas próprias casas. Afinal, todo pai e mãe tem um pouco destes aqui!

Karla Dyson, em “O Sequestro”

A garçonete Karla Dyson, interpretada por Halle Berry, é uma mãe que se vira como pode para sustentar o filho, ao mesmo tempo em que enfrenta um divórcio litigioso. Quando o garoto é sequestrado durante um passeio, ela mostra toda a sua força ao correr atrás dos sequestradores.

Cena de “O Sequestro”

Samuel, em “Uma família de dois”

O mulherengo Samuel (Omar Sy) vê sua vida mudar com a chegada de Glória (Gloria Colston), sua filha com uma mulher que o deixa sozinho com a criança – e reaparece anos depois querendo retomar o contato. Apesar de transformar a vida da menina em um verdadeiro parque de diversões, o pai também mente para ela (e para o espectador) durante toda a trama. Mas falar mais do que isso já seria spoiler

via GIPHY

Joy, em “O Quarto de Jack”

Brie Larson é Joy, uma mãe que vive em cárcere privado em um quarto com seu filho Jack (Jacob Tremblay), de cinco anos, nascido no local. Sem nenhum contato com o mundo exterior, ela ensina ao garoto que não há nada no mundo além daquele ambiente para tornar sua vida mais suportável, até o dia em que precisa  da ajuda dele para que ambos consigam fugir do claustro.

– Você vai amar.
– O quê?
– O mundo.

Guido, em “A Vida É Bela”

Tem história mais comovente do que a vivida pelo personagem Guido (Roberto Benigni) em A Vida é Bela? Em um campo de concentração nazista, ele mente para o filho Giosué (Giorgio Cantarini) que aquilo tudo se trata de uma gincana e eles precisam se comportar e cumprir diversas tarefas caso queiram sair campeões. A brincadeira torna a experiência mais suportável para o menino e pode ajudá-lo a escapar da violência.

Sara e Brian Fitzgerald, em “Uma prova de amor”

O cinema investe muito em nos mostrar os esforços de um pai ou de uma mãe solos para criar uma criança, o que é um desafio dobrado. Nesse caso, no entanto, trata-se de um pai e uma mãe encarando a doença da filha Kate, que possui leucemia. Juntos, eles decidem ter um bebê de proveta que seja um doador compatível com a menina – e o drama rola solto do início ao fim.

Sebastián, em “Sétimo”

Nesse suspense argentino, Sebastián (Ricardo Darín) é um pai que está enfrentando um divórcio (parece batido, não?). Durante uma brincadeira com seus filhos, ele vê as crianças desaparecerem sem deixar rastros dentro do próprio edifício e não mede esforços para encontrá-los novamente.

via GIPHY

Mildred Hayes, em “Três Anúncios Para Um Crime”

Mildred Hayes (Frances McDormand) é uma mãe forte e determinada. Sua filha foi morta e assassinada e ela não está disposta a esperar pelo marasmo da polícia local, que ainda não encontrou nenhum suspeito, mesmo sete meses após o crime. Inclusive, já falamos sobre esse filmaço aqui antes, lembra?

via GIPHY

“Três Anúncios para um Crime” está disponível através do Telecine Play. Na plataforma, você também encontra outros filmes sobre mães e pais que não medem esforços para proteger suas crias. Vem ver!

Publicidade

Foto em destaque: Reprodução "O Quarto de Jack"


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Gagliasso surpreende seguidores com fotos inéditas de Bless, caçula recém adotado