Arte

‘Eu sinto a mensagem!’: Youtubers dos EUA estão pirando muito nos Racionais MCs

Vitor Paiva - 08/01/2019 | Atualizada em - 05/06/2019

Febre no YouTube, os canais de reação se multiplicam a cada dia, com mais e mais pessoas se filmando enquanto fazem algo pela primeira vez – e as reações a bandas, cantores e cantoras parecem ser os canais mais populares, nos quais os youtubers registram o primeiro impacto e suas impressões iniciais sobre um artista.

E o canal americano Spiffy Gang viu sua história mudar quando escolheu reagir aos Racionais MC’s – pois além de descobrir um grande grupo de rap, como não poderia deixar de ser o público brasileiro invadiu o canal.

O canal que tinha 300 inscritos somente saltou para 2 mil, e hoje já se encontram com quase 6 mil seguidores. “Eles são como o BIG e o Tupac do Brasil”, diz a Youtuber.

E a identificação das lutas do povo negro supera a barreira da língua e da nacionalidade, e aproxima as duas youtubers do canal com o trabalho e a mensagem dos Racionais quase que instantaneamente.

O sucesso do primeiro vídeo reagindo aos Racionais, da música “Vida Loka part. II”, postado em outubro do ano passado, fez com que o canal reagisse a outra música da banda, “Negro Drama”.

“Eu sinto a mensagem daqui também, pois eles não falam somente para o Brasil, mas para muitos lugares”, elas dizem.

O canal é todo em inglês, mas a reação – assim como a música de qualidade – supera qualquer barreira de língua.

Publicidade

© fotos: reprodução


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutor em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Warning: file_put_contents(/var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/cache/twitter-stream-hypeness.txt): failed to open stream: Permission denied in /var/www/html/wordpress/wp-content/themes/hypeness-new/functions/social.php on line 410


X
Próxima notícia Hypeness:
8 filmes como protagonismo LGBT para assistir na Netflix