Ciência

Gênero, estatura e tamanho: os tipos humanos mais propensos a viver até os 90, segundo estudo

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

São muitas as receitas que garantem uma vida longeva – da alimentação, aos hábitos, passando por crenças, superstições, sabedorias populares e até mesmo sexuais. A morte é, porém, o grande mistério, e não há plano que possa infalivelmente garantir uma vida saudável e longa. Uma nova pesquisa, no entanto, sugere que o segredo para a longevidade pode estar no aspecto mais concreto do que somos – em nossa estatura, tamanho e gênero.

Publicada no jornal médico BMJ, a pesquisa afirma que mulheres altas e que não engordaram excessivamente até os 20 anos estão mais sujeitas a viverem até os 90 anos, em oposição às mulheres mais baixas e pesadas.

Publicidade

A mesma relação entre peso e altura não vale, contudo, para os homens, que costumam alcançar maiores benefícios, por exemplo, de exercícios físicos – é a pratica de exercícios que determinam a longevidade masculina. O efeito das atividades é consideravelmente menor para mulheres.

A pesquisa não explica o motivo de tais determinações e diferenças sobre o efeito do peso e do tamanho do corpo entre homens e mulheres, e envolveu 7.807 participantes noruegueses, monitorados desde 1986, quando tinham idades entre 55 e 69 anos. Dos participantes, 433 homens e 994 mulheres chegaram aos 90 anos de idade. Um aspecto definitivo da pesquisa aponta para algo já descoberto e confirmado: peso excessivo e sedentarismo podem ser os grandes inimigos de uma vida longa.

Publicidade Anuncie

© fotos: divulgação


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


X
Próxima notícia Hypeness:
Brasileiro de 9 anos cria coletor de lixo espacial e é premiado na Europa