Debate

O caso chocante da mulher em estado vegetativo que deu à luz nos EUA

Vitor Paiva - 07/01/2019 | Atualizada em - 08/01/2019

Uma simples clínica no estado de Arizona, nos EUA, tornou-se cenário de uma história verdadeiramente perturbadora: uma paciente em estado vegetativo há cerca de uma década deu à luz a um bebê. Segundo a clínica, ligada à empresa Hacienda HealthCare, da cidade de Phoenix, a criança está bem, e ninguém na clínica sabia que a mulher, que não teve sua identidade revelada, estava grávida.

A polícia local está investigando o caso de abuso sexual, que transformou o protocolo da clínica: agora qualquer homem que visitar quartos ocupados por mulheres estarão acompanhados por outras mulheres da equipe. Segundo um canal de TV, a paciente deu à luz no último dia 29, e necessitava de atenção 24 horas dia, com muitos funcionários acessando seu quarto.

A clínica no Arizona, EUA

Nem a clínica nem a polícia revelaram maiores detalhes sobre o caso, que segue sob investigação. Em sua página na internet, a Hacienda declarou que está comprometida em esclarecer o ocorrido, é que seu trabalho é oferecer cuidados para “pacientes jovens, adolescentes, crianças e bebês cronicamente doentes e clinicamente frágeis, assim como outros com incapacidades intelectuais e transtornos de desenvolvimento”.

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, Vitor Paiva é doutor em Literatura, Cultura e Contemporaneidade pela PUC-Rio. Autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores, publica artigos, ensaios e reportagens.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.