Ciência

Startup planeja mandar grávida ao espaço para dar à luz

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

O sonho de muita gente é fazer uma viagem para fora da Terra, conhecer um outro planeta, a sensação de viajar pelo espaço e de realmente se sentir na maior aventura de suas vidas. Porém, imagine uma mulher grávida fazer uma viagem ao espaço, justamente com o objetivo de dar à luz ao primeiro bebê extraterrestre da história, em nome da ciência? É exatamente isso que a startup SpaceLife Origin pretende fazer.

bebê extraterrestre 1

A startup, sediada na Holanda, pretende testar a possibilidade do ser humano viver em outro planeta, caso a vida na Terra torne-se inviável no futuro. Por acreditar que nossa sobrevivência a longo prazo depende disso, a empresa enviará uma mulher grávida ao espaço, para que seu filho nasça em um lugar com gravidade zero.

bebê extraterrestre 2

O nascimento está programado para 2024, sendo que até lá eles farão uma série de experimentos pioneiros, que irão nos ajudar a desvendar os segredos do nascimento espacial e, se realmente temos uma chance de povoar um novo planeta. Arriscado? Sim, e muito. Afinal, ninguém sabe como a força da gravidade durante a ascensão de um foguete para a órbita afetará, tanto a mulher, quanto o bebê.

bebê extraterrestre 3

Supondo que tudo corra bem no nascimento, ainda há outro desafio: a volta à Terra, o que significa que um bebê recém-nascido precisará sobreviver a uma verdadeira queda livre. A SpaceLife Origin reconhece que seu plano ainda tem muitas incógnitas, mas essa é a principal razão para essa missão pioneira: encontrar respostas. Além disso, algumas das pessoas envolvidas no projeto acreditam que, se a empresa não fizer isso, outra pessoa o fará.

Publicidade

Fotos: Pixabay


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Encontraram evidências que os humanos fumam maconha há 2,5 mil anos