Inspiração

Voluntários vão à Brumadinho para salvar animais e tentar diminuir dor do desastre

por: Redação Hypeness

São 292 pessoas desaparecidas e pelo menos 68 mortos depois do rompimento de uma barragem da Vale no Córrego do Feijão, em Brumadinho, Minas Gerais. Além de perda de vidas, da destruição da cidade e do meio ambiente, o drama vivido pelos animais chama atenção.

Desde o derramamento de rejeitos, ativistas de defesa dos animais e a população da cidade mineira unem esforços para tentar salvar os bichos, muitos deixados no caminho ou sem condições de escapar da enxurrada de metais e outros produtos tóxicos despejados ladeira abaixo.

Pelo menos três ONGs enviaram voluntários, a Escoação, Anjos do Asfalto e o Instituto Luisa Mell. O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de Minas Gerais (CRMV-MG) anunciou a criação de uma força-tarefa de médicos veterinários para tentar resgatar os animais presos na lama.

Uma vaca precisou ser sacrificada por causa da desidratação e desnutrição

“A equipe está preparada para prestar os serviços necessários para atender aos animais que porventura foram atingidos por este desastre, sobretudo os de grande porte, uma vez que a região possui propriedades que exercem atividade pecuária”, se manifestou o CRMV-MG em nota à imprensa.

O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil também tentam ajudar. Alguns passarinhos foram libertos de gaiolas por soldados e funcionários dos dois órgãos. Mas, o cenário ainda é dramático. Além de macacos, gatos, cachorros e cavalos, o gado sofre com a lama.

A zona rural de Brumadinho foi a mais atingida e a alta velocidade da lama pegou em cheio bois e vacas que pastavam nas inúmeras fazendas a região. Um grupo de voluntários foi retirado do por bombeiros civis e policiais militares enquanto tentavam salvar uma vaca. Eles temiam o alto risco de um novo rompimento da barragem B6, que armazena mais de 160 mil litros de água.

A operação reiniciou assim que a Defesa Civil descartou o risco de rompimento. Moradores e voluntários foram até uma vaca que estava com lama até o pescoço. Ela chegou a ser içada para fora, mas não conseguiu se desprender completamente.

Segundo os veterinários, o animal não sobreviveria nem que fosse resgatado por causa da desidratação e desnutrição. Ele foi, então, sacrificado por meio de injeção.

“Entendo a preocupação e também entendam que eles priorizem os seres humanos, mas nós estamos vendo a pobre vaca ali sofrendo há horas. Não dá para ficar de braços cruzados aqui”, contou Luana Trindade, do EcoAção, em conversa com a Veja.

O Ministério Público acompanha a atuação da Vale no resgate dos animais

O Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG) afirmou que está cobrando a Vale para que a empresa não deixe os animais de lado, além de garantir alimentação e água para os que forem retirados pelas equipes de resgate. Os ativistas reclamam da falta de medidas concretas da companhia de minério.

“A Vale estava colocando tapume. Só faltou aplicar um adesivo de praia para esconder o estrago que fez. Mas foi uma revolta geral. As pessoas gritavam e diziam que a polícia não podia impedir. Acabaram usando os tapumes para chegar até a vaca”, disse um voluntário.

Luisa Mell publicou um vídeo no Instagram dando detalhes de uma mobilização para auxiliar no salvamento de animais. “Faremos uma grande arrecadação em breve como fizemos em 2015 para Mariana! Mas agora exigimos que a Vale contrate equipes para resgatar estes animais com toda a estrutura necessária imediatamente”.

Você também pode ajudar. A Anclivepa Minas (Associação Nacional de Clínicos Veterinários de Pequenos Animais) formou um time de veterinários que vão até Brumadinho nos próximos dias. Algumas clínicas também vão receber os bichos. Para ajudar com medicamentos e ração, ligue para (31) 98491-0648.

Todas as lojas 41 da Leory Merlin no Brasil estão recebendo doações. Você pode ajudar com água mineral, alimentos não perecíveis, produtos de higiene pessoal e roupas. Aqui tem mais. 

Publicidade

Fotos: foto 1: Getty Images/Reprodução/foto 2: EBC


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
‘Agosto Dourado’: mães se unem para livrar amamentação de machismo arcaico