Debate

Andressa Urach se diz capaz de assumir comissão de direitos humanos mesmo sem formação

por: Redação Hypeness


Andressa Urach foi nomeada como nova assessora da Comissão de Cidadania e Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Rio de Grande do Sul. A ex-modelo desistiu da faculdade de enfermagem para se matricular em curso de gestão pública.

Membra da Igreja Universal do Reino de Deus, Urach foi nomeada pelo deputado Sérgio Peres (PRB) – presidente da comissão e pastor da Universal. Andressa admite não ter formação superior ou curso na área, mas ressalta os trabalhos voluntários realizados ao longo de quatro anos.

– Sem diploma, ministra Damares diz que seu mestrado é ‘bíblico’

– Veneno recorde: Na surdina, governo Bolsonaro libera 54 agrotóxicos em 47 dias

– Senado aprova criação de prêmio de Direitos Humanos Marielle Franco

“Eu contava a minha história como forma de inspirar as mulheres a recomeçar. Também pela igreja, e por meio de conversas e cursos, ajudava mulheres vítima de violência doméstica a lidarem com o trauma. Abandonei a faculdade de enfermagem, que comecei no ano passado, e me matriculei em um curso de gestão pública, para entender de burocracias. Minha função vai ser vai ser atender pessoas que tiveram seus direitos humanos violados e ajudá-las. Trabalharei com uma equipe que, aí sim, é especializada”, explicou em entrevista ao Universa.

A ex-modelo quer se reunir com Damares Alves

Urach será responsável por atender civis e organizações sociais com demandas relacionadas com os direitos humanos. A assessoria de Sérgio Peres explica que a escolha se deu pelos trabalhos realizados por ela em presídios e a participação em projetos de apoio às mulheres.

Embora tenha comemorado a vitória do parlamentar em seu perfil no Instagram, Andressa Urach rechaça favorecimento na nomeação. Citando vício em cocaína e abuso sexual na infância, a nova assessora da Comissão de Direitos Humanos fala da “importância de dar segundas chances a criminosos”. O posicionamento diverge dos conceitos defendidos por Jair Bolsonaro (PSL), apoiado por Andressa Urach nas eleições.

“Eu não preciso concordar com tudo que ele diz. Acho que se você cometeu um erro, deve pagar por ele, mas não é matando que se resolve o problema. É preciso dar a essas pessoas oportunidade de emprego e cursos para que ela volte ao mercado de trabalho”.

Andressa disse que não precisa concordar com tudo que diz Bolsonaro

Contra o aborto, “acho que há assuntos mais importantes”, ela prefere não opinar sobre a postura de Damares Alves, ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos. “Eu não a conheço pessoalmente, mas quero marcar uma reunião com ela. Tenho uma amiga que está mais próxima dela e vou pedir que faça essa ponte. Quero falar sobre futuros trabalhos”.

Andressa Urach participou do Miss BumBum em 2012, mas largou a carreira de modelo. Atualmente se dedica à religião evangélica. Em 2015, lançou a autobiografia “Morri para viver”. O livro narra o período em que a gaúcha ficou entre a vida e a morte depois de uma infecção causada pela aplicação de hidrogel no corpo.

View this post on Instagram

Oi gente, bom dia 🌹 Sei que vocês que me acompanham torcem por mim e oram pela minha vida. 😍 Deus sabe do meu desejo em ajudar mais as pessoas e me deu a oportunidade de fazer ainda mais pelo meu Rio Grande do Sul. Hoje comecei a trabalhar na Assembleia Legislativa como Assessora Parlamentar na Comissão de Cidadania e Direitos Humanos, presidente Dep Sérgio Peres @sergioperesdep Estou muito feliz e queria compartilhar com vcs, pois eu amo cuidar das pessoas 😍😃🙏 Sei que nós temos muito trabalho pela frente, mas Deus conhece nosso coração e creio que tudo está dentro dos planos DEle e foi Ele que nos chamou como Servos para Fazer a diferença nesse mundo! 🙏 Juntos vamos lutar por um País melhor ❤️😍🙏 Vou compartilhando com vocês nosso trabalho para vocês acompanharem de perto tudo que estamos fazendo, uma política limpa e transparente 😍. Por Favor me coloque em sua orações sempre 🙏 Obs: Fiz um vídeo no meu canal do YouTube Andressa Urach Oficial, compartilhando os 30 artigos referente a Declaração Universal dos Direitos Humanos… lá você vai poder conhecer seus direitos como cidadão e ser humano. 😍😃🙏

A post shared by Andressa Urach (@andressaurachoficial) on


Publicidade

Fotos: Reprodução/Instagram


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Miriam Leitão é desconvidada de feira de livro em SC. Motivo: a ‘ideologia’ dela