Matéria Especial Hypeness

Carta aberta para você que quer comprar um cachorro | Adotar é Hype #3

por: Pedro Drable

Patrocinado por: Güd News

Oi! Eu me chamo Pedro, e estou escrevendo essa carta para você.

Antes de mais nada, é importante dizer: se você recebeu esse link de alguém, entenda que essa pessoa te ama, e que algumas conversas são complicadas. Por isso, seu amigo ou amiga preferiu mandar esse texto aqui, e ficaria muito feliz se você lesse até o fim. E caso você queira, essa pessoa vai estar disponível pelo tempo que você quiser para falar desse assunto. O que nos leva, aliás, ao tal assunto.

Aparentemente, você está pensando em comprar um cachorro.

Se isso é verdade, imagino que você deva amar cachorros. Olha que legal, ainda estamos no início do texto e já temos uma coisa em comum. Eu também amo cachorros! E se nós dois somos apaixonados por cachorros, queremos o melhor pra eles. Sejam os cachorros que são parte da nossa família ou não.

Então deixa eu te perguntar: que tal considerar adotar um cãozinho?

Eu sei, eu sei. Existem vários motivos para comprar um cachorro em vez de adotar. O que eu não sei é qual deles se aplica a você especificamente. Então, eu fiz uma lista dos principais motivos que levam a essa decisão para falar um pouquinho sobre eles.

1. ‘Preciso garantir que o cachorro vai se comportar’

Busted Bad Boy GIF by GIPHY Studios Originals - Find & Share on GIPHY

Talvez você esteja pensando em comprar um cachorro porque tem filhos e precisa de uma raça que seja “boa com crianças”. Ou quer evitar um cachorro que seja agitado demais, porque seus vizinhos não são fáceis. Eu entendo isso tudo, de verdade. Só que tem uma coisa: comportamento sempre vai ser uma variável. Nem todo labrador é brincalhão. Nem todo pinscher é barulhento.

Boa parte dos comportamentos associados a raças específicas são tendências, e não certezas. E problemas comportamentais podem e devem ser trabalhados com a ajuda de adestradores e terapeutas caninos. Independente da raça, todo cachorro tem potencial para aprender. E vai ser sua responsabilidade ensinar ao novo membro da família o que pode e o que não pode na sua casa, independente da origem dele.

2. ‘Preciso ter certeza do tamanho’

Adorable Big Dog GIF - Find & Share on GIPHY

Já falamos sobre cachorros em apartamentos pequenos por aqui. Ainda assim, eu compreendo que você se sinta mais confortável com um cachorro de um tamanho específico (seja ele P, M ou G). E eu tenho a solução perfeita para isso: você pode adotar um cãozinho adulto.

Depois de mais ou menos 1 ano e meio, a grande maioria dos cães já cresceu tudo que tinha para crescer. Adotando um cãozinho adulto, você vai ter certeza absoluta do seu tamanho e, de bônus, uma ideia bem boa do seu real comportamento, grau de energia, temperamento e várias outras incertezas do item anterior. Cães adultos ainda contam com a vantagem de já terem feito a troca de dentição. Durante esse período, os filhotes costumam ficar ainda mais inspirados para morder móveis e destruir coisas em casa, já que os dentes incomodam. Os adultos tendem a ser menos “destrutivos”. Seu sofá apoia essa ideia.

3. ‘Tenho medo de cachorros adotados terem alguma doença’

National Puppy Day Licking GIF by Miami Open - Find & Share on GIPHY

Olha, eu não vou mentir para você. Isso pode acontecer. Isso inclusive aconteceu comigo.

Minha cachorrinha foi adotada com uma doença muito séria, e o tratamento dela foi muito difícil. Mas também aconteceu com a família de uma grande amiga, que comprou um Yorkshire que veio com pedigree e com uma doença congênita. Infelizmente, esse York não sobreviveu, mesmo depois de alguns milhares de reais em despesas veterinárias. A minha cachorrinha ficou saudável, apesar de ter sequelas, e passar isso tudo com ela fez o nosso vínculo ser muito especial para mim. Tanto que hoje eu escrevo uma coluna sobre animais no Hypeness!

Já vi tantos casos de animais doentes comprados em canis e petshops que não acredito muito nessa pretensa segurança. A “vantagem” de um cachorro comprado nesse caso é que você pode devolver ao canil. Mas se você considera devolver um cachorro que entrou para a sua família e desenvolveu um problema de saúde, talvez você não devesse mesmo ter um cachorro. Isso não é uma crítica, é só uma constatação, de coração aberto. Nem todo mundo entende ou está disposto a ter o comprometimento necessário para criar um cachorro. E tudo bem. Só não coloque um cãozinho na sua vida, se esse for o seu caso.

4. Tive um cachorro da raça X e quero reviver essa experiência

Memesgifs GIF - Find & Share on GIPHY

A cachorra que eu adotei é uma viralatinha, mas sabia que eu tive 4 boxers antes dela? Eu amo boxer. Eu cresci com um boxer que chegou literalmente alguns meses depois de mim na minha primeira casa. Depois, meus pais tiveram três boxers ao mesmo tempo, na segunda casa em que eu morei.

O que eu posso dizer é que eu entendo o seu sentimento, mas cada um desses cachorros era completamente diferente do outro. O primeiro, o Trovão, era extremamente agressivo e territorialista com todo mundo, menos a minha família. O segundo, o Jimi, era bem mais na dele, mas leal e tranquilo. A terceira, a Layla, era maluca, brigona, barulhenta, fêmea alfa da família, mas era o meu xodó. O quarto, o Ozzy, era branco e enorme, o maior de todos, e também o cachorro mais tapado que eu já conheci. Meu ponto é: cada cachorro é um cachorro. Por mais que a raça te traga boas lembranças, é importante entender e aceitar a individualidade de cada bicho. Até porque essa é a forma certa de respeitar a memória do animal antigo, e curtir de verdade a experiência com o animal novo.

5. Ter um cachorro da raça X é o meu maior sonho

Meet GIF - Find & Share on GIPHY

A gente pode ficar discutindo horas sobre o porquê de uma raça específica ser um “sonho” não fazer muito sentido, a não ser que você pense em um cachorro como um acessório ou item decorativo. Mas esse é um tópico difícil, que demandaria muito tempo. Então, acho que é mais fácil falar o seguinte: mesmo que você queria muito uma raça específica, ainda assim seu cachorro pode ser adotado. Um grande amigo meu cria uma chow chow resgatada de uma situação de maus tratos (provavelmente era matriz de um canil clandestino). Muitos cachorros são salvos em situações como essa, e também precisam de um lar. Isso significa que mesmo para padrões muito específicos na escolha de um cão, a adoção ainda é um caminho possível. Basta ter paciência e se informar.

Acho que com isso eu cobri as razões principais para alguém escolher comprar um cachorro em vez de adotar. Espero que esse texto te ajude a refletir e, quem sabe, dar uma chance para um cãozinho de abrigo, que precisa muito de um lar e tem a mesma capacidade de amar incondicionalmente que qualquer outro cão. Acho também que seu amigo concorda comigo, e que pode te ajudar a encontrar um animalzinho perfeito entre os milhares e milhares disponíveis para adoção.

E se mesmo depois disso tudo você ainda for comprar um cachorro, bem, é a vida. Só o que eu posso pedir é que você ame seu animal, não importa o que aconteça. E que castre o seu bichinho para que os cães que ainda não foram adotados tenham uma chance um pouquinho melhor de conseguir um lar.

Obrigado por ter lido até aqui. Espero que seu futuro cachorro traga toda a alegria do mundo para você. E que, com sorte, isso signifique um cãozinho a menos na rua.

Caso você ame animais e queira interagir com um novo cãozinho ou gatinho por muitos e muitos anos, vale dar uma olhada nos animais para adoção aqui do #AdotaréHype.

View this post on Instagram

Oi tios… bebê Bunny passando em sua timeline 🐕 Nome: Bunny Idade: 4 a 5 meses aproximadamente. Saúde: Vacinada e Castrada!!!! Super saudável =) Porte: médio. História: Faço parte de uma ninhada de 6 irmãozinhos. Fomos encontrados num posto de gasolina junto com minha mãezinha =( As tias do abrigo conseguiram recolher a todos e agora saudáveis, vacinados e castrados aguardamos adoção. Somos de porte médio no mínimo. Eu sou a BUNNY, a menorzinha da ninhada! Sou lindinha, toda rajada, uma tigrezinha pequena! Tchutchuca mesmo 🐶 Se você quer um animalzinho para ser seu, esta pode ser A OPORTUNIDADE heim!!!! As tias Mônica e Miriam atendem pelo whatsapp de 2a. a 6a. feira. Os celulares são (11) 99914-3820 (11) 98101-9036. Mas se não pode me adotar, me ajude a encontrar uma família… compartilhe este post com seus amigos!!! Muito, muito obrigada! Lambeijocas e abanos de rabo 👅👅👅🐕 #NãoCompreAdote #amizadenãotempreço #adotaréhype

A post shared by Hypeness (@hypeness) on

View this post on Instagram

Olarrr pessoal! Eu sou o Baltazar e, modéstia à parte, sou um fofo :p Idade: 3 meses aproximadamente Saúde: saudável, vacinado com a primeira dose da V8, vermifugado e despulgado. Minhas tias acham que eu devo ficar de porte médio quando crescer! Minha história: o ano de 2019 começou maravilhoso! Isso por que fui achado logo nos primeiros dias por um cara super gente boa que me levou pra uma casa com uns cheirinhos de vários outros bichos – inclusive uns cachorros que miam! Depois disso, papei muiiiiiita ração, fui ganhando peso e ficando com o pelo lindão de quem enfiou o focinho onde não foi chamado, rsrs! Uma tia veterinária me examinou e disse que estou saudável, me deu a primeira dose da vacina V8 e a tia que cuida de mim me deu vermífugo e remédio antipulgas. Estou prontinho para alegrar a casa de alguém, será que você vai ser a minha família? Para me adotar, manda uma mensagem para a tia Marluce, do @despertarpetbrasil ou no Whatsapp (21) 995727885. Estou te esperando! Lambeijos :p #nãocompreadote #adotaréhype #amizadenãotempreço

A post shared by Hypeness (@hypeness) on

View this post on Instagram

Oi tios do Hypeness, sou Nicky – o simpático!!!! 🐶 Nome: Nicky Idade: Sou bem jovenzinho ainda … perto de 1 ano. Porte: pequeno e não vou crescer mais – tenho somente 7 quilinhos de pura gostosura 👀 Saúde: É bem verdade que sou magrinho, mas super saudável e esperto. Já estou castrado e vacinado. As tias deste abrigo facilitam um monte para que você possa me adotar sem maiores complicações… bacana né! História: Fui resgatado das ruas por onde perambulava. Mas como costumam dizer… há anjos voando por aí, soprando no ouvido das pessoas 😇😇😇 para que façam uma "boa ação" … e deu certo!!!! Imagino você olhando minha foto e se questionando: "hummm, esses magrinhos são agitadinhos"… e sou. Mas isso não quer dizer que eu não seja bonzinho. Sou muito mesmo… gosto de outros cães amigos e principalmente de humanos… ahhh… vocês me alegram tanto… me fazem sentir que sou querido quando me fitam direto nos olhos! Só o que me falta na vida agora é VOCÊ, uma família! As tias Mônica e Miriam atendem pelo whatsapp de 2a. a 6a. feira. Os celulares são (11) 99914-3820 (11) 98101-9036. Mas se não pode adotar e quer me ajudar a encontrar um lar… compartilha este post com seus amigos!!! Desde já te agradeço de montão! Muitas lambidas e abanos de rabo 👅👅👅🐕 #NãoCompreAdote #amizadenãotempreço #adotaréhype

A post shared by Hypeness (@hypeness) on

Carinho, parceria, lambidas e muito, muito amor.

Nas horas boas ou nas horas ruins. Na caminhada em um dia de sol ou na cama curtindo o som da chuva do lado de fora. Uma coisa é certa: nossos dogs sempre estarão ao nosso lado.

Pensando sempre no melhor para você e seu dog, o Hypeness e a Güd querem entregar aquele tipo de conteúdo que enche o coração de fofura e paixão pelo seu melhor amigo.

Este conteúdo é um oferecimento da Güd, uma ração super premium, mais natural e deliciosa. Ou seja, tudo que seu pet merece… além daquele carinho na barriga que você está devendo. 

Publicidade

Busca Dogs / Giphy


Pedro Drable
Pedro Drable é publicitário e engajado na causa de animais de rua desde que adotou uma cadelinha chamada Dory. A história de superação dessa cadela sobrevivente de cinomose e seu dia a dia cheio de humor podem ser acompanhados pelo instagram @dorydalata. No mesmo Instagram, o publicitário lançou a Dalata, uma marca para amantes de pets que reverte um terço dos lucros para ajudar abrigos, protetores independentes e animais em risco.


X
Próxima notícia Hypeness:
“Pra que quero 10 Ferraris? Prefiro construir escola”, diz jogador do Liverpool