Debate

Havaí propõe lei que proibirá a venda de cigarros para menores de 100 anos

por: Vitor Paiva

O Havaí é sinônimo de surfe, sol e saúde, e em nome de tal mitologia, o estado americano vem declarando guerra ao cigarro. Com uma das mais rígidas leis contra o tabagismo já em funcionamento – sendo o primeiro estado a proibir a venda de cigarros para menores de 21 anos – uma nova lei proposta pretende paulatinamente aumentar essa idade mínima, até que em 2024 a venda de cigarro só seja permitida para maiores de… 100 anos. As informações são da CNN.

Tabacaria no estado americano

A primeira frase da nova lei havaiana proposta não deixa dúvidas de sua intenção: “A legislação reconhece o cigarro como o artefato mais nocivo na história da humanidade”.

A proposta da lei é que para o ano que vem a idade mínima para compra seja de 30 anos, aumentando uma década por ano. Assim, até 2024, o cigarro só será permitido para maiores de 40 em dois anos, depois 50, 60, 70, até chegar somente aos centenários da ilha norte-americana.

Placa de proibição atual, para menores de 21 anos

A lei não visa impedir, porém, que turistas tragam cigarros em suas viagens, mas na prática irá fazer desaparecer o produto de suas lojas. A lei não será aplicada sobre cigarros eletrônicos, cigarrilhas, charutos ou tabaco para mascar. O motivo para o processo progressivo de proibição é para que o estado possa se adaptar a deixar de receber os impostos pagos pela indústria do tabaco. A expectativa é de que a lei seja aprovada sem maiores dificuldades.

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Pais que não vacinarem filhos serão presos. Quem compartilhar notícia falsa também