Debate

Nome forte do Vaticano, ex-conselheiro do Papa Francisco é condenado por estupro

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

O rastro de pólvora deixado pelos inúmeros casos de pedofilia envolvendo figurões da Igreja Católica explodiu no colo do cardeal George Pell. O conselheiro direto do papa Francisco e considerado número três no Vaticano, foi declarado culpado por um tribunal australiano.

Por unanimidade, o júri do Tribunal do Estado de Victoria entendeu que o cardeal de 77 anos é responsável por um caso de agressão sexual e outros quatro de atentado ao pudor. As vítimas são dois coroinhas entre 12 e 13 anos. Os abusos aconteceram na sacristia da Catedral de São Patrício de Melbourne, na década de 1990. Pell é o membro mais graduado da cúpula eclesiástica a ser condenado até agora.

– A incrível história do casal de lésbicas que enganou a Igreja Católica para se casar

– 300 padres são acusados de mais de 1 mil casos de pedofilia nos EUA

– Fotógrafa baiana cria série para exaltar a beleza da religião de matriz africana no Brasil

Um dos abusados morreu em 2014, vítima de uma overdose de heroína. O outro está com 35 anos e testemunhou sobre os detalhes por videoconferência. A identidade permanece mantida em sigilo.

O cardeal tinha acesso livre ao papa Francisco

Muito embora tenha provocado a instauração de um gabinete de crise formado por 190 líderes religiosos, o tratamento dado a George Pell pelo Vaticano foi motivo de críticas. A Igreja Católica manteve o religioso no comando da área econômica até o último momento. Pell foi afastado do convívio com o Papa, por ‘motivos de idade,’ apenas em dezembro.

Um tanto quanto diferente do caso de um cardeal norte-americano. O Hypeness mostrou que Theodore McCarrick – com acusações de abuso sexual nas costas, foi expulso do sacerdócio há uma semana.

A Justiça de Melbourne determinou a detenção de George Pell. O religioso deve ficar preso até 13 de março, data esperada para a emissão da sentença. O cardeal pode pegar até 10 anos reclusão.

O ex-número três do Vaticano se aposentou das funções na Igreja Católica para se defender. O papa Francisco sugeriu a criação de oito pontos para acabar com a “monstruosidade” dos abusos contra menores.

Publicidade

Foto: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Encontraram maconha nos cachimbos usados por William Shakespeare 400 anos atrás