Ciência

Suar realmente queima calorias? O que diz a ciência

por: Vitor Paiva

Publicidade Anuncie

O suor em sua necessidade mais natural e controlada traz diversos benefícios para o corpo, para além de sua função essencial de equilibrar a temperatura do corpo. Há, porém, uma impressão popular de que o suor por si é sinal de queima de calorias por nosso corpo – naturalmente ligado ao efeito de atividades físicas intensas que costumam provocar a secreção. Quando queremos diminuir o peso e afinar a silhueta, é determinante queimar mais calorias do que consumimos – mas afinal, o suor de fato queima calorias?

A resposta fundamental é não. Além do suor somente não queimar calorias suficientes, existem diversas atividades que queimam calorias em alta quantidade sem que o suor se dê – como a natação ou exercícios na água, levantamento de peso ou mesmo atividades físicas no frio, onde pode não haver suor algum. O suor, porém, é sim um dos medidores da intensidade do exercício físico – e isso sim, aliado a uma dieta controlada, é capaz de queimar calorias e alterar nosso corpo.

Publicidade

Nesse sentido, o suor pode ser símbolo de atividades que queimam calorias. A transpiração por si, porém, é um processo que não gasta energia suficiente para que as calorias sejam queimados. Os fluidos devem sempre ser repostos, pois junto com eles o corpo humano perde eletrólitos importantes, como o sódio e o potássio, fundamentais para nosso equilíbrio celular – e pode nos levar à desidratação. O suor queima essencialmente água – e, nesse sentido, métodos artificiais, por exemplo, de estimulo da transpiração não trazem benefícios para nossa silhueta.

Muitas pessoas não podem nem pensar em situações de nervosismo que já começam a suar. Tensão, ansiedade e aí você já sabe: o resultado é suadeira pelo corpo. Quer proteção? Então, experimente o Rexona Clinical. Ele protege 3 vezes mais do que os antitranspirantes comuns.

Publicidade Anuncie

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.


X
Próxima notícia Hypeness:
Amor de verdade: Fãs de Pokémon têm parte do cérebro dedicada ao desenho