Sustentabilidade

Adolescentes do mundo decretam 15 de março como dia de greve pelo clima e meio ambiente

por: Mari Dutra

Aos 15 anos, a jovem Greta Thunberg sentou em frente ao parlamento sueco para protestar contra as mudanças climáticas. O movimento começou em agosto com uma pessoa só – e já angariou o apoio de adolescentes do mundo inteiro. Juntos, eles decretaram 15 de março como dia da greve pelo clima e pelo meio ambiente.

Diagnosticada com Síndrome de Asperger há quatro anos, Greta é hoje vista como um exemplo de perseverança no mundo inteiro. Desde o primeiro protesto, ela passou a realizar manifestações todas as sextas-feiras no mesmo local. Com o tempo, a iniciativa foi ganhando adeptos e resultou em um movimento global, que já conquistou mais de 700 cidades em 71 países.

Inspirados pela jovem, mais de 60 mil estudantes da Suécia, Alemanha, Bélgica, Suíça e Itália realizaram uma manifestação nos dias 17 e 18 de janeiro. Agora, eles planejam uma grande greve global para esta sexta-feira, dia 15 de março. Os protestos devem ocorrer em quarenta países de todos os continentes, de acordo com uma petição pública assinada por mais de 15 mil pessoas.

Publicidade

Foto em destaque CC BY-SA 4.0 C.Suthorn


Mari Dutra
Criadora do Quase Nômade, contadora de histórias, minimalista e confusa por natureza, com os dois pés (e um pet) no mundo. Chega mais perto no Instagram.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Botsuana ainda não sabe o que causou a morte de ao menos 350 elefantes; entenda