Debate

Após ameaças, professores universitários buscam apoio para deixar o país

por: Redação Hypeness

Entre os vários momentos de tensão, a eleição de 2018 vai ser lembrada pela invasão de universidades pela polícia. Você viu aqui no Hypeness casos como o da  Universidade Federal da Paraíba (UFPB), tomada por homens da PM e oficiais de justiça, com mandados ou sem, que apreenderam faixas, cartazes e panfletos criticando o fascismo, a ditadura militar e exaltando a memória de Marielle Franco.

– Com relatos de ameaças e censura, universidades são alvo de PMs e Justiça Eleitoral

O pleito eleitoral ficou no passado, porém os reflexos de outubro ainda são sentidos. A Scholars at Risk – organização com sede nos Estados Unidos voltada para o atendimento de acadêmicos em risco, afirma ter recebido uma quantidade expressiva de pedidos de ajuda de professores brasileiros escolheram deixar o país.

2018: Policiais nos campus da Universidade Federal da Paraíba

A insegurança para o desempenho livre das funções é a principal reclamação. Pelo menos 18 docentes já buscaram ajuda. Madochée Bozier, assistente do programa de proteção a professores universitários, explicou à Agência Pública que a nova composição política é um dos fatores.

“Devido à mudança significativa para a direita na atmosfera sociopolítica no Brasil que levou à eleição de Bolsonaro, os candidatos do Brasil relatam instabilidade, medo de serem detidos ou presos, assédio e medo de serem mortos ou desaparecerem”.

– Deputada eleita pelo PSL cria canal para fiscalizar conduta de professores

Os ânimos estão acirrados. Ana Caroline Campagnolo (PSL-SC) sugeriu a criação de um canal para fiscalizar professores em sala de aula. A deputada estadual defensora do Escola sem Partido pede aos seguidores que coletem e mandem para seu celular informações sobre a conduta adotada pelos educadores.

Estudantes se colocam contra o movimento Escola sem Partido

Campagnolo chamou os professores de “doutrinadores inconformados e revoltados”. Ela diz que os educadores “farão da sala de aula um auditório cativo para suas queixas político partidárias em virtude da vitória de Bolsonaro. Filme ou grave todas as manifestações político-partidárias ou ideológicas”.

– Deputada do PSL que criou canal de denúncias contra professores é alvo de ação do MP

O Ministério Público de Santa Catarina (MP-SC) entrou com uma ação judicial, em caráter liminar, pedindo que a deputada eleita Ana Caroline Campagnolo (PSL-SC) pague uma indenização de cerca de R$ 70 mil. O MP prevê pagamento por danos morais causados pela declaração compartilhada nas redes sociais.

Ana Caroline Campagnolo propôs a filmagem de professores durante aula

Diante do cenário, Madochée Bozier reafirma o compromisso da Scholars at Risk de luta pela liberdade acadêmica. O órgão, entre outras atribuições, oferece assistência para deslocar e permitir que professores em risco sigam desempenhando seu trabalho.

“Somos uma rede internacional de instituições de ensino superior dedicada a promover a liberdade acadêmica e ajudar acadêmicos, professores e pesquisadores universitários ameaçados. A proteção é uma das três áreas programáticas e nós oferecemos uma gama de serviços aos que estão em risco, incluindo assistência para deslocá-los para outra posição em uma universidade que faz parte da nossa rede de assistência para que continuem seu trabalho acadêmico no local onde estão ou em outro local. No entanto, nossa especialidade é garantir trabalhos temporários, de curto período, seja para dar aulas ou fazer pesquisas, para profissionais com pós-graduação e experiência em lecionar e publicar em jornais científicos”, explicou à Agência Pública. 

Ainda em 2018, o Supremo Tribunal Federal precisou se manifestar em em função de diversas operações da Polícia Federal em universidades federais. Entidades educacionais criaram o movimento Escola com Diversidade e Liberdade e o lançaram do Manual de Defesa contra a Censura nas Escolas.

Publicidade

Fotos: foto 1: Reprodução/foto 2: EBC/foto 3: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Após anunciar busca por match perfeito, Ministra Damares diz que ‘ainda’ não está no Tinder