Inovação

Brasil recebe projeto que ensina braille à crianças deficientes visuais usando Lego

por: Gabriela Glette

Através de uma parceria entre a Fundação Dorina Nowill para Cegos, que há 70 anos trabalha pela inclusão das pessoas com deficiência visual, e a Universidade Estadual Paulista (Unesp), a Lego Foundation anunciou um novo projeto com a criação de peças de Lego customizadas para o braille, com o objetivo de ensinar o braille à crianças deficientes visuais.

lego braille bricks 1

Tudo começou em 2016, quando a Fundação Dorina Nowill lançou o o Braille Bricks. Um ano depois, a fundação levou a ideia para votação no site Lego Ideas, mas o projeto não conseguiu os 10 mil votos necessários para viabilizar a produção das peças em escala global. Entretanto, agora o plano deu certo e o Grupo Lego e a Lego Foundation anunciaram o lançamento mundial do Lego Braille Bricks, durante a conferência de marcas sustentáveis em Paris, na França.

lego braille bricks 2

Os “Braille Bricks” são blocos de lego desenhados para que os pontos em relevo representem uma letra ou número do alfabeto braille. De acordo com a Presidente do Comitê Braille Bricks da Fundação Dorina Nowill para Cegos – Ika Fleury, o objetivo do projeto é aumentar radicalmente o número de crianças com deficiência visual alfabetizadas. Já a Lego afirmou que, com o aumento do uso da tecnologia a difusão do braille tem caído entre as novas gerações de pessoas com deficiência visual. O intuito da Lego Braille Bricks, então, é justamente incentivar o ensino do braille.

lego braille bricks 3

A partir do ano que vem, o projeto pretende envolver 763 mil estudantes no Brasil, sendo 11,6 mil os que têm deficiência visual. Criado há 190 anos por Louis Braille, um francês que perdeu a visão aos três anos de idade, o Lego Braille Bricks é composto por cerca de 250 peças que cobrem o alfabeto completo, números de zero a nove, símbolos matemáticos selecionados e jogos interativos. As versões do brinquedo em alemão, espanhol e francês serão introduzidas no terceiro trimestre deste ano.

Publicidade

Fotos: Divulgação/Fundação Dorina Nowill


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Loja em Seattle cria programa para reciclar embalagens de maconha