Diversidade

Menina de 11 anos é morta a tiros pelo pai ao tentar defender mãe de agressões

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

Uma menina de 11 anos foi morta a tiros pelo próprio pai. Michele Magalhães Rodrigues perdeu a vida depois de tentar defender a mãe, que era agredida pelo pai. O caso aconteceu na cidade de Muritiba, no Recôncavo Baiano.

Os disparos foram registrados na noite de domingo (7), no povoado de São José de Itaporan. Além de Michele, o irmão de 5 anos ficou ferido pelos disparos. O pai das crianças, identificado como Lucival de Oliveira Rodrigues, fugiu depois da briga.

– Marcela Temer no Tinder é o machismo do dia que transborda nas redes sociais

Lucival segue foragido

Ele é conhecido como Buti da Rifa e de acordo com a Polícia Civil, agrediu a esposa com socos por causa de ciúmes. As crianças tentaram socorrer a mãe, mas foram baleadas.

Publicidade

Segundo um agente, que preferiu não ter o nome divulgado, a menina foi alvejada nas costas quando estava na sala. Ao cair numa área na entrada da residência, recebeu o “tiro de misericórdia” na cabeça, informou o agente ao Correio.

– ‘Hora de mulheres falarem e homens ouvirem’: O discurso histórico de Oprah Winfrey contra machismo no Globo de Ouro

– Epidemia de feminicídio escancara o machismo estrutural da sociedade brasileira

O casal estava junto há 12 anos. O menino de 5 anos segue internado no Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus e não corre risco de morrer. O caso está registrado na Delegacia de Cruz das Almas e será investigado pela delegada Ana Neide Vieira Brito.

Publicidade Anuncie

Foto: Reprodução/Portal Bahia10


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.


X
Próxima notícia Hypeness:
O racismo será premiado: William Waack vai comandar a CNN Brasil