Viagem

Os bizarros assentos para passageiros ficarem em pé no avião saíram do papel

por: Redação Hypeness

Publicidade Anuncie

Depois das companhias aéreas serem acusadas de dividir as famílias de propósito apenas para fazê-las pagar pela marcação de assentos, uma nova situação escancara o desespero pela lucratividade na indústria. Trata-se de um controverso “banco” para que os passageiros voem em pé.

Não é a primeira vez que a ideia dá as caras por aí. Lá em 2010, a Ryanair já havia apresentado uma proposta similar, que foi rejeitada pela falta de segurança e conforto deste tipo de poltrona. Agora, a empresa italiana Aviointeriors acaba de revisitar o conceito, ao apresentar uma nova versão dos “assentos para ficar em pé” durante uma feira de aviação realizada em Hamburgo, na Alemanha.

O objetivo é usar o modelo em uma espécie de classe “ultraeconômica”, em voos curtos, de até 3 horas. Ao optar pelos bancos na vertical, os passageiros pagariam menos pelas passagens, mas deixariam de lado o conforto.

Nesta modalidade, o espaço entre as poltronas é de apenas 58 cm – enquanto atualmente são raras as companhias aéreas que trabalham com uma área menor do que 67 cm para cada pessoa.

Segundo a Época Negócios, as semicadeiras permitiram colocar até 20% a mais de passageiros em um mesmo voo. Mas, felizmente, tudo indica que a ideia não será adotada pelas companhias aéreas (ainda bem!).

E aí, você toparia voar assim?

Publicidade Anuncie

Fotos: SamChui.com/Reprodução Facebook


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Fãs de Harry Potter já podem fazer tour no Hogwarts Express pelo interior da Escócia