Ciência

7 x 1 do dia: Alemanha quer pesquisadores brasileiros, e nem precisa falar alemão

por: Vitor Paiva

Enquanto o atual governo parece determinado a correr na direção do precipício de um país que não investe em educação, a Alemanha ilumina com clareza, para quem quiser ver, na contramão do Brasil de hoje, o caminho do progresso.

Se por aqui a carreira acadêmica parece fadada a simplesmente não existir – e um país é tão grandioso quanto a maneira que ele trata a educação e a ciência – , instituições e universidades alemãs oferecem vagas para pesquisadores brasileiros em pós-doutorado por lá. Quem tiver interesse em conhecer as oportunidades de pesquisa na Alemanha pode se inscrever em dois seminários que acontecerão em São Paulo, no dia 4 de junho, e em Belo Horizonte no dia 6.

Cada evento oferece 50 vagas aos interessados, que se encontrarão com representantes da Freie Universität Berlin, da Technische Universität München, Universidade de Münster e Aliança Universitária do Ruhr, que explicarão as oportunidades oferecidas aos pesquisadores em cada instituição. As inscrições podem ser feitas até hoje, dia 27 de maio, pelo site do evento. Os dois encontros acontecerão em inglês, e o domínio do alemão não é uma exigência para os pós-doutorados.

Os eventos serão formados basicamente por palestras, com a presença de representantes do consulado alemão para maiores informações a respeito de visto. O investimento em pesquisadores internacionais é uma tradição alemã, que explica em boa parte o motivo pelo qual o país é um dos maiores líderes internacionais em tantas áreas. Infelizmente o Brasil parece fadado a importar de outros países somente seus piores defeitos.

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Anorexia também é causada por DNA, aponta nova pesquisa