Debate

Eu já sabia: Estudo comprova que quem corrige gramática dos outros é mala

por: Gabriela Glette

Você, assim como eu, já deve ter passado pela situação de ter um erro banal de português corrigido por algum fiscal gramatical. Uma pesquisa publicada no jornal científico PLOS One mostrou que, definitivamente, estas pessoas possuem personalidades menos agradáveis que outras e são julgadoras, ou seja – malas.

corrigir erro gramatical 1

A pesquisa mostrou também que a nossa personalidade dita como reagiremos a possíveis erros gramaticais alheios. Para o experimento, 83 participantes tiveram que ler e-mails escritos em resposta a um anúncio de procura por um colega de quarto, sendo que algumas das mensagens foram escritas com erros de digitação ou equívocos gramaticais. Após avaliar os emails, eles também tiveram de preencher um teste de personalidade, que os classificou em escalas de agradabilidade, abertura, extroversão, introversão e neuroticismo.

corrigir erro gramatical 2

O resultado é que, pessoas consideradas menos agradáveis ficaram decepcionadas pela falta de rigor gramatical, sendo que para as mais abertas, isso não fazia tanta diferença.

Que estas pessoas são malas a gente sempre soube, mas a questão é muito mais ampla do que ser um chato. Corrigir erros gramaticais dos outros pode ser considerado preconceito linguístico, que caminha lado a lado com todos os demais tipos de preconceitos.

Se você compreendeu a mensagem, não seja vacilão e pare de uma vez por todas de corrigir os outros!

corrigir erro gramatical 3

Publicidade

Fotos: Unsplash


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
#OndeDói: Mulheres usam hashtag para expor abusos médicos