Inovação

Por dentro do Festival Path, o maior festival de criatividade e inovação do Brasil

por: Brunella Nunes

Publicidade Anuncie

O que a apresentadora Sabrina Sato tem em comum com a astróloga Papisa, o ex-jogador Elano, a cientista Taynara Alves e o diretor de cinema Hugo Prata? Ela se junta a todas essas pessoas incríveis e diversas na 7ª edição do Festival Path, o maior festival de criatividade e inovação do Brasil, que acontece nos dias 1 e 2 de junho em São Paulo.

Com início em 2013, o evento começou tímido, mas desde o início já agrupou muita gente interessante, conforme relembramos aqui. A proposta era trazer para terras tupiniquins um pouco do universo inovador e criativo do SXSW, ou South by Southwest, um dos mais importantes eventos de tecnologia e economia criativa do mundo.

Foi na busca de alimentar seu potencial criativo que Rafael Vettori, um dos idealizadores do Festival Path, passou de advogado a comunicólogo. Se jogou em cursos de artes dramáticas, direção de cinema e planejamento de comunicação até fundar em 2014 a produtora cultural O Panda Criativo, ao lado do sócio Fábio Seixas. Depois de novas vivências e de participar algumas vezes do próprio SXSW, o empresário virou a própria chave para poder virar a das outras pessoas.

Sete ano depois, o festival conquista um espaço único não apenas na mente dos paulistanos de olho em tendências, mas também na própria cidade: a Avenida Paulista, local inédito para os acontecimentos simultâneos da Cidade Path. “Desde a criação, o Festival Path cresceu muito, e tentamos sempre não apenas manter mas elevar a qualidade do conteúdo e da experiência de ano para ano”, explicou Vettori, que a cada ano une esforços para manter a roda da inovação girando. “Não é fácil, mas acho que conseguimos ocupar um lugar especial no coração das pessoas e no calendário da nossa cidade”.

Pelo evento já passaram profissionais das mais diversas áreas, de iniciantes com suas ideias de startup até mega empresários do Brasil e do mundo para debater temas emergentes na sociedade. O mesmo pode ser dito em relação à curadoria musical, que colocou nos palcos novos artistas contemporâneos, como Rubel, até as que têm alguns anos de estrada e capas de revista acumuladas, como Karol Conká e Gaby Amarantos.

Mesa de influenciadores, em 2017, reuniu Clara Averbuck, Nataly Néri, Lorelay Fox e Eduardo Camargo (Diva Depressão) num só bate-papo!

Para o ano de 2019, as novidades começam logo pela localização. O público irá circular pelas salas dos hotéis Maksoud Plaza e Tivoli Mofarrej, Reserva Cultural e Clube Homs. Isso sem contar os espaços ao ar livre, que deixam o festival literalmente fora da caixa. “Esse ano demos uma especial atenção para os espaços externos do evento, notadamente a Praça Alexandre de Gusmão e a Alameda Casa Branca. Será um lindo festival na rua, com atrações para todos, shows, gastronomia e yoga. Esse, dos nossos legados, é o que mais me orgulha, recordou Vettori.

Para ele, a inserção na Av. Paulista ajuda a universalizar o evento. Visamos não ficar confinados às salas de conferência. Esse diferencial nos torna de certa forma únicos e ajuda a espalhar nossas mensagens para um público que não é necessariamente o mesmo das palestras e workshops”.

Entre as 180 palestras e debates, você poderá, de fato, ver a Sabrina Sato falando sobre produção de conteúdo para diferentes plataformas midiáticas; a astróloga Papisa (Tatiane Lisbon) debatendo sobre astrologia e redes sociais; Hugo Prata trazendo seu olhar sobre o futuro das séries no Brasil; o ex-jogador Elano ao lado de Fábio Luciano e César Sampaio gravando uma versão especial do programa resenha ESPN no Club Homs.

Fazendo uma conexão Brasil-Holanda, vem uma turma de holandeses criativos para o evento: Simone Post vai falar sobre pós-design; Donna Verheijden expõe sua visão sobre a influência da mídia social e de massa em nosso comportamento e tomada de decisões; Inge Sluijs vai falar sobre gaseificação de plasma e tratamento de resíduos; Mathilde Nakken aborda o tema da alimentação em meio a mudanças climáticas; e Teis de Greve mostra sua visão de futuro “hackeada”.

Educação, projetos de impacto social, empreendedorismo, comportamento, autoconhecimento, feminismo, política, tecnologia, saúde, games, cultura canábica, música, design, diversidade, moda, sustentabilidade, urbanismo e audiovisual entram no radar de assuntos do Path, que fornece numa imersão de dois dias uma plataforma segura para a troca de experiências entre pessoas das mais diversas trajetórias, lugares, especializações e inspirações.

Todo mundo é uma ideia. Qual é a sua?

Garanta o seu ingresso para o Festival Path antes que acabe!

Serviço:
Festival Path 2019

Dias 1 e 2 de junho, sábado e domingo, das 9h às 20h
Programação e Informações: festivalpath.com.br
Ingressos: R$ 249 (valor do terceiro lote. Dá acesso a toda a programação de
palestras, em ambos os dias) – Este valor já contempla o desconto de 50% sobre o valor total do ingresso, aplicável aos casos de meia entrada e para quem levar 1 kg de alimentos não perecíveis ou 1 agasalho.

Publicidade

Fotos: divulgação/Festival Path


Brunella Nunes
Jornalista por completo e absoluto amor a causa, Brunella vive em São Paulo, essa cidade louca que é palco de boa parte de suas histórias. Tem paixão e formação em artes, além de se interessar por ciência, tecnologia, sustentabilidade e outras cositas más. Escreve sobre inovação, cultura, viagem, comportamento e o que mais der na telha.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Colorado arrecada US$ 1 bilhão em impostos com venda de maconha