Diversidade

12 tuítes nos lembram: Que bom que nós temos Marta

por: Redação Hypeness

O futebol brasileiro atravessa um de seus momentos mais dramáticos de todos os tempos. Para além da falta de futebol ou competência de treinadores, o distanciamento da população em nome do dinheiro, lucro e gentrificação provocou fraturas.

– A internet foi atrás e descobriu qual é o batom da rainha Marta

– Justiça bloqueia 36 imóveis de Neymar em ação por sonegação

Some isso ao momento atravessado por Neymar, o principal jogador da seleção masculina está com a imagem mais que arranhada. Um escândalo atrás do outro.

O futebol brasileiro precisa estar à altura de Marta

Por isso o feito não só de Marta, mas da seleção brasileira como um todo, deve ser valorado. Os investimentos em futebol feminino são quase nulos no chamado ‘país do futebol’. Até hoje, a seleção sub-20 está sem técnico. O time sub-18 foi criado agora. Na França, as atletas profissionais brasileiras recebem metade da premiação reservada aos homens.  Pífio.

– Chuteira sem logo e com símbolo de igualdade de gênero foi mais um golaço de Marta

– Marta marca e se torna a maior artilheira em Copas do Mundo na história

Mesmo assim, o time brasileiro garantiu vaga na fase de mata-mata da ‘Copa do Mundo’. Na raça. Mas tem que ser assim sempre? O batom de Marta, a quebra de recorde atrás de recorde. O sorriso e as cabeçadas certeiras de Cristiane e longevidade de Formiga dão o recado: o futebol brasileiro não precisa de aprovação. Para renovar e avançar, a modalidade esportiva necessita de investimentos e protagonismo.  

Menos promessas. Ações. A comoção nas rede sociais não deixa mentir. O público está encantado e aliviado, que bom que temos Marta!

1.

2.

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

11.

12.

Publicidade

Foto: Reprodução


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
A coisa está preta e boa: 11 lugares para fortalecer a consciência negra