Inovação

Designers japoneses criam tintas sem nome para repensar como as crianças aprendem sobre cores

13 • 06 • 2019 às 09:53
Atualizada em 14 • 06 • 2019 às 09:54
Gabriela Glette
Gabriela Glette Uma jornalista e produtora de conteúdo que mora na França. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias. Gabriela também é fundadora do site Quokka Mag, onde fala apenas sobre coisas boas!

Você já parou para pensar na origem dos nomes das cores? Elas estão presentes em todos os
âmbitos do nosso dia a dia, mas, por que o azul chama azul e o amarelo, amarelo? É difícil imaginar que antigamente as línguas não tinham nomes para elas. Foi com o passar do tempo que as sociedades se viram obrigadas a nomeá-las. Por isso, uma dupla de design do Japão criou tintas sem nome para revolucionar a maneira como as crianças pensam e aprendem sobre as cores.

tintas sem nome 1

A ideia é mostrar que as cores são resultado de uma equação e, não uma apenas uma questão linguística. Para isso, Yusuke Imai e Ayami Moteki projetaram tubos de tinta que são rotulados mostrando quais cores primárias, e em que proporções, foram usadas para fazer a cor.

tintas sem nome 2

A dupla, conhecida como Ima Moteki, acredita que os rótulos das cores são problemáticos: “Ao não atribuir nomes às cores, queremos expandir a definição do que uma cor pode ser e os vários tons que eles podem criar misturando-os”, disseram. Além do mais, as equações têm o benefício adicional de ensinar às crianças o básico da teoria das cores e como misturar e criar novas cores.

tintas sem nome 3

tintas sem nome 4

tintas sem nome 5

Publicidade

Canais Especiais Hypeness