Inspiração

Policiais, bombeiros e militares saem do armário para combater preconceito

por: Vitor Paiva

A homofobia, a hipocrisia, o preconceito e o medo escondem a simples orientação sexual das pessoas em profissões mais diversas – artistas, professores, políticos, atletas, e mesmo policias, bombeiros e militares. O obscurantismo e a recusa a olhar de frente para tais temas ajuda a isolar aqueles que tem coragem de se assumirem simplesmente como o que são, e evidentemente que nas áreas como das polícias e do exército, o preconceito é ainda maior. Foi para combater essa ignorância e a violência que ecoa de tais preconceitos que a Rede Nacional de Operadores de Segurança Pública LGBTI+ (Renosp) foi criada.

Formada por mais de 100 agentes de segurança de todo o Brasil, a Renosp trabalha não só para garantir a liberdade e a integridade das pessoas LGBTI+ dentro desses âmbitos profissionais, como também pela criminalização da homofobia e tipificação de crimes de ódio ligados à orientação sexual e à identidade de gênero. A Rede acompanha casos de LGBTIfobia institucionais, e denuncia violência contra essa população e os direitos humanos em geral – além de se dedicar à valoração e ao apoio dos agentes públicos LGBTIs dentro das corporações.

Às vésperas da possível retomada do julgamento pela criminalização da homofobia no STF, a Renosp vem se mobilizando para organizar ações e campanhas nas redes e em Brasília. Dissipar a hipocrisia e olhar de frente a causa LGBTI+ como a luta por direitos essenciais e pela integridade de seres humanos, inclusive dentro de instituições como a polícia, é passo essencial entender que os crimes contra a população LGBTI+ são crimes de ódio, e que precisam ser combatidos como tal – para que, quem sabe um dia, uma ação tão importante quanto a da Renosp se torne, enfim, desnecessária, e a polícia não só proteja como esteja aberta a todos – realmente todos.

Publicidade

© fotos: Instagram


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Ele é o ‘gato de botas do Shrek’ da vida real e consegue o que quer com sua ‘atuação’