Sustentabilidade

Tanzânia proíbe turistas de entrar com sacolas plásticas no país

por: Gabriela Glette

Nos últimos anos, diversos países passaram a combater os plásticos de utilização única, como sacolas plásticas e canudos. No início do mês, a Tanzânia passou a proibir o uso, importação e comercialização de sacolas plásticas, tornando-se assim o 34º país africano a adotar a medida. A partir de agora, quem for pego desrespeitando a lei estará sujeito a sanções e até mesmo prisão.

sacola plástica tanzânia 3

De acordo com a nova lei, quem utilizar sacolas plásticas pode receber multa de até R$ 336 ou passar sete dias na prisão. E isto também vale para os turistas, que assim que desembarcarem no país serão avisados das novas regras e precisarão se livrar dos produtos ainda no aeroporto.
sacola plástica tanzânia 1

Para quem produzir ou importar sacolas plásticas, as penalidades serão mais severas: multa que pode chegar a R$ 1,6 milhão ou uma condenação de até dois anos de cadeia. De acordo com o presidente John Magufuli, a intenção é se livrar completamente do plástico: “Em alguns anos, nosso país estará livre dos efeitos negativos que as sacolas plásticas trazem ao meio ambiente”.

sacola plástica tanzânia 2

Publicidade

Foto 1: Twitter

Fotos 2 e 3: Unsplash


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Oficina gratuita ensina a cultivar hortas verticais em garrafas e canos