Debate

No Japão, restaurante bane clientes japoneses e passa a servir apenas estrangeiros

por: Gabriela Glette

Contra a falta de educação, o dono de um pequeno restaurante na ilha de Ishigakijima – no Japão, decidiu banir todos os possíveis clientes japoneses e atender apenas estrangeiros. Especializado em ramens, Akio Arima preferiu tomar esta atitude, mesmo que isso signifique menos dinheiro no caixa.

clientes japoneses 1

Desde o início deste mês, as portas do Yaeyama Style possuem um bilhete explicando as novas regras: Para clientes japoneses, as maneiras dos turistas japoneses vêm se tornando progressivamente piores ano a ano e, portanto, não permitiremos que os clientes japoneses jantem em nosso restaurante até depois de setembro. Nós só aceitaremos clientes estrangeiros, e pedimos desculpas aos japoneses locais e aos clientes que comem aqui todos os anos, e também pedimos a cooperação deles”.

clientes japoneses 2

A decisão drástica provocou controvérsia no Japão, mas o dono do restaurante acha que isso foi justificado pela conduta grosseira de seus compatriotas, que simplesmente se recusam a obedecer às regras de seu restaurante, o que não acontece com estrangeiros em geral.


O empresário de 42 anos até admite ter sido radical, mas confirma que estava muito estressado com seus clientes nos últimos tempos. Imagine se todo mundo decidir fazer o mesmo?

Publicidade

Fotos: Unsplash


Gabriela Glette
Uma jornalista e produtora de conteúdo que mora na França. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias. Gabriela também é fundadora do site Quokka Mag, onde fala apenas sobre coisas boas!


X
Próxima notícia Hypeness:
Doria quer demolir complexo esportivo do Ibirapuera para construir shopping