Inovação

Agora você pode criar a caixa de bombons Nestlé e Garoto dos seus sonhos

por: Vitor Paiva

Forrest Gump já dizia que a vida era como uma caixa de chocolates, na qual nunca sabemos o que vamos encontrar. E de fato uma caixa de bombom pode ser uma bela metáfora para vida – por um lado identificamos rapidamente nossos preferidos e detestamos encontrar somente os bombons menos populares, e por outro é isso uma oportunidade de arriscarmos novos sabores e quem sabe descobrirmos preferências que jamais saberíamos se o bombom de uva, de morango ou de banana não estivessem lá. Essa introdução profunda como uma caixa de bombons é para anunciar que um novo quiosque no Shopping Morumbi vai oferecer a opção do consumidor personalizar sua caixa com somente seus bombons preferidos.

Intitulado Ícones by Chocobot, o quiosque oferece a opção do consumidor selecionar 15 bombons entre os 18 tipos oferecidos das marcas Nestlé e Garoto – através de uma interface interativa auxiliada por um robô. O serviço também oferece a possibilidade de escrever uma mensagem de até 35 caracteres na caixa, perfeito para, por exemplo, um eventual presente. A caixa Ícones sai por R$ 13,99.

“Essa é uma oportunidade para que os consumidores escolham, de uma forma única e por meio de uma experiência tecnológica e ultrapersonalizada, aquelas que são icônicas para cada um deles”, afirma Leandro Cervi, head de Chocolates da Nestlé Brasil. E se a experiência personalizada é sempre interessante para o consumidor, ela também pode significar a extinção de bombons como o Caribe e o Sensação – e da metáfora de Forrest Gump.

Publicidade

© fotos: divulgação


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Açougue verde: Salsichas com canabidiol fazem sucesso na França