Sustentabilidade

Antinatalistas: quem são as pessoas que querem que paremos de ter filhos

por: Redação Hypeness

Seres humanos devem parar de ter filhos. Essa é a posição dos antinatalistas. Não se trata de um desejo da boca pra fora. Um desabafo diante de qualquer tipo de frustração.

– Não levei o investimento do Shark Tank para meu app canábico. Mas aprendi muito

Natalidade: População nas ruas de Hong Kong

Esse grupo, formado principalmente por pessoas na casa dos 30 anos – idade até aqui comum para ser ter filhos -, defende o posicionamento como antídoto para o descontrole ambiental que acomete o planeta Terra. 

Uma reportagem da BBC destrinchou este universo, com representantes em redes sociais como Reddit e Facebook. Lá, fóruns e grupos, alguns com mais de 30 mil membros, discutem o sofrimento de recém-nascidos e crianças e a superlotação da Terra. 

“Não seria melhor fazer um buraco na Terra e acabar com tudo?”, brinca Thomas, um dos antinatalistas, em conversa com a BBC.

Daqui pra frente 

Projeções da Organização das Nações Unidas (ONU) mostram que, em 2050, a Terra passará a ter 9,10 bilhões de habitantes. Em 2100, o número salta para 15 bilhões. Índice puxado pela alta taxa de natalidade em países superpopulosos. 

Recém-nascido: Antinatalistas são contra sofrimento de crianças

Nos chamados países em desenvolvimento, a taxa de nascimento é de 1,7. Já em nações mais pobres, de 4,2. Com 1,35 bilhão, a China é o país mais populoso do mundo. 

Quanto mais pessoas, maior a preocupação climática. A emissão de gases do efeito estufa, por exemplo, aumenta em 1% com cada aumento de 1% na quantidade de seres humanos. 

Diferente dos antinatalistas, para os cientistas só há uma saída, utilizar a tecnologia para transformar a maneira que o homem usufrui dos recursos naturais. 

“Estas alterações terão de ser enormes, porque elas devem contrabalancear os aumentos substanciais da população, especialmente com o aumento da prosperidade”, declarou à revista Veja Thomas Dietz, pesquisador da Universidade do Estado de Michigan.

Publicidade

Fotos: foto 1: Chan Long Hei/SOPA Images/LightRocket via Getty Images/foto 2: Beata Zawrzel/NurPhoto via Getty Images


Redação Hypeness
Acreditamos no poder da INSPIRAÇÃO. Uma boa fotografia, uma grande história, uma mega iniciativa ou mesmo uma pequena invenção. Todas elas podem transformar o seu jeito de enxergar o mundo.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Já passou da hora de revermos a pegada ambiental dos embrulhos de presente