Criatividade

Cidade alemã vai pagar um milhão de euros a quem provar que ela não existe

por: Gabriela Glette

A Internet tem suas esquisitices, mas talvez você nunca tenha visto uma promoção tão bizarra quanto esta. A cidade alemã de Bielefeld anunciou que está oferecendo um prêmio de 1 milhão de euros para quem puder provar que não existe. Tudo começou em 1993, quando o estudante de informática Achim Held lançou esta teoria da conspiração, alegando que a cidade não existia, porque não era realmente conhecida por qualquer coisa em particular.

cidade alemã prêmio 2

Naquele tempo a Internet ainda engatinhava, mas o boato se espalhou e ganhou vida própria. Como todo mexerico, a história foi ficando cada vez mais absurda. Algumas pessoas criaram um grupo chamado ‘SIE’ – que entre outras coisas dizia que, celebridades mortas eram levadas para lá, como Elvis Presley e Kurt Cobain.

Aos poucos, a chamada Conspiração de Bielefeld tornou-se enraizada na cultura popular alemã, sendo que até a primeira ministra alemã Angela Merkel brincou em uma visita à cidade, dizendo às pessoas que ela não tinha certeza de que existia.

cidade alemã prêmio 1

No entanto, o que parecia uma piada tornou-se algo sério, quando as autoridades locais decidiram fazer abraçar a ideia. Através de uma parceria com a empresa Bielefeld Marketing, eles pagarão 1 milhão de euros para quem apresentar a melhor teoria de não-existência As inscrições acabam no dia 4 de setembro e podem ser em forma de fotos, vídeos ou textos – mas as “pérolas de sabedoria apresentadas devem ser incontroversas”.

Publicidade

Fotos: divulgação


Gabriela Glette
Uma jornalista que ama poesia e mora na França, onde faz mestrado em comunicação. Apaixonada por viagens e inquieta por natureza, ela encontrou no nomadismo digital o segredo de sua felicidade, e transforma a saudade que sente da família e amigos em combustível para escrever suas histórias.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
5 maneiras de reduzir o lixo | Hack Hype