Inspiração

Garçom interrompe o trabalho para conversar com senhor de 91 anos que almoçava sozinho

por: Vitor Paiva

Um mínimo gesto, que quebre a automatização e o isolamento dos nossos hábitos cotidianos e permita a aproximação, a empatia e a troca de afeto pode ser efetivamente transformador – mesmo que na micro esfera de uma ou duas vidas. Foi o que fez o jovem Dylan Tetil há cerca de duas semanas, diante de uma cena que, para muitos, passaria totalmente batida: quando viu um idoso almoçando sozinho, Dylan decidiu parar o que estava fazendo para conversar e almoçar com o senhor. O detalhe importante dessa história é que o jovem é garçom do restaurante onde o senhor almoçava.

A cena foi registrada por Lisa Meilander, que almoçava com sua família em uma mesa ao lado, e registrou a tocante cena em duas fotos postadas no Facebook. “O senhor pediu desculpas por não ouvir muito bem”, escreveu Meilander no Facebook. “Ele havia esquecido de colocar seus aparelhos auditivos. Falou sobre como ele perdeu a audição durante seu tempo na guerra. Ele tinha 91 anos e muitas, muitas muitas histórias para contar. Dylan ouviu pacientemente dando-lhe toda a atenção do mundo”, escreveu Lisa.

O restaurante se chama Eat’n Park, e fica na cidade de Belle Vernon, na Pensilvânia, nos EUA. Segundo o post, o senhor chegou a pedir desculpas por falar tanto, explicando que estava sozinho, e que muitas vezes não tinha com quem conversar. Dylan, porém, deixou claro que queria ouvir as histórias. Quando saímos do restaurante, lá estavam eles ainda, na mesa, sentados e conversando. Vimos muitas pessoas saindo dali com um sorriso no rosto. Foi um momento muito comovente”, escreveu.

“Com todas as histórias negativas que circulam por aí, esta foi uma lufada de ar fresco. Eu me pergunto se eu teria sido tão gentil e atenciosa se fosse eu quem estivesse trabalhando lá”, acrescentou. “Uma coisa é certa: se você estiver no [Restaurante] Eat’n Park em Belle Vernon, peça por Dylan. Se ele for o seu garçom, com certeza você será muito bem atendido.” Antes de ir embora, Lisa e sua família decidiram, comovidos, pagar a conta do senhor. A boa notícia então superou a própria cena, pois outra pessoa já havia pagado. “Acho que não fomos os únicos a escutar a conversa”, brincou Lisa. O post já teve mais de 100 mil compartilhamentos e 22 mil comentários.

O jovem Dylan

Publicidade

© fotos: Facebook


Vitor Paiva
Escritor, jornalista e músico, doutorando em literatura pela PUC-Rio, publica artigos, ensaios e reportagens. É autor dos livros Tudo Que Não é Cavalo, Boca Aberta, Só o Sol Sabe Sair de Cena e Dólar e outros amores.

Branded Channel Hypeness

Marcas que apoiam e acreditam na nossa produção de conteúdo exclusivo.



X
Próxima notícia Hypeness:
Estas 7 comédias vão te fazer refletir entre uma risada e outra